XVI Concurso Nacional de Contos “Prêmio Jorge Andrade”

EDITAL

I – APRESENTAÇÃO

O XVI CONCURSO NACIONAL DE CONTOS “PRÊMIO JORGE ANDRADE” é promovido pela Academia Barretense de Cultura– ABC, com apoio do Ministério da Cultura, do Consórcio Intermunicipal Culturando e da Prefeitura do Município de Barretos e objetiva premiar textos inéditos na categoria CONTO, escritos em língua portuguesa de acordo com o novo acordo ortográfico, por autores brasileiros maiores de 18 anos.

II – INSCRIÇÃO

1- Cada concorrente poderá participar com 3 (três) contos.

2- Entende-se por conto uma narrativa ficcional curta, de viés literário, com concentração de espaço, tempo e personagens.

3- Cada conto deverá ter um mínimo de 3 (três) e no máximo 5 (cinco) páginas, digitado em, em apenas um lado da folha, em fonte Times New Roman, fonte 12, espaçamento 1,5, em papel tamanho A4, parágrafo de alinhamento justificado, todas as margens com 2,0 (dois) centímetros.

4- Os originais deverão ser enviados em 3 (três) vias, com folha de rosto na qual deverão constar apenas o título da obra e o pseudônimo, acompanhados de envelope lacrado, contendo: nome, qualificação, endereço, cópias de RG e CPF, e-mail, currículo resumido e um CD com o trabalho gravado. O envelope lacrado deverá ter como sobrescrito apenas o título da obra e o pseudônimo.

5- O material deverá ser enviado para:

Academia Barretense de Cultura – ABC
Rua João Falcão nº 100 – Bairro Vale Verde – 14.784-495 –
Barretos-SP

6- O prazo para inscrição vai de 1º de agosto a 30 de novembro de 2014. A data que constar no carimbo da agência de origem dos Correios servirá como comprovante de inscrição no prazo determinado.

7- As inscrições para o Concurso são gratuitas.

8- Não poderão concorrer membros da ABC.

III – JULGAMENTO

1- As obras inscritas serão analisadas por Comissão Julgadora composta de 7 (sete) membros da Academia Barretense de Cultura, nomeada por Portaria do Presidente.

2- A Comissão Julgadora terá o prazo até o dia 28 de fevereiro de 2015 para concluir seus trabalhos.

3- A Comissão tem autonomia para julgar os casos omissos deste Edital e suas decisões são irrecorríveis.

4- O único critério para seleção das obras vencedoras é o mérito literário, resultante de originalidade e criatividade e domínio da língua portuguesa.

IV – PREMIAÇÃO

1- O resultado do XVI Concurso Nacional de Contos “Prêmio Jorge Andrade” será divulgado em março de 2015, ocasião em que os ganhadores serão notificados.,

2- Serão atribuídos os seguintes prêmios:
1º lugar – R$ 3.000,00 (três mil reais)
2º lugar – R$ 2.000,00 (dois mil reais)
3º lugar – R$ 1.500,00 (mil e quinhentos reais)
4º ao 10º lugares – Menção Honrosa

3- A entrega dos prêmios e dos certificados de Menção Honrosa será feita em sessão solene, prevista para abril de 2015, em data e local a serem estabelecidos e comunicados aos ganhadores.

4- Ao se inscreverem, os participantes concordam em ceder os direitos autorais dos textos à Academia Barretense de Cultura, para publicação ou divulgação, inclusive por meio eletrônico.

5- Nos termos do item anterior, os dez contos premiados farão parte da Coletânea de Contos “Prêmio Jorge Andrade”, da Academia Barretense de Cultura, cuja edição está prevista para 2016 e será distribuída gratuitamente aos autores, a bibliotecas públicas e entidades culturais.

Barretos, 1º de agosto de 2014.

José Antonio Merenda Adalgisa Aparecida Borsato G. da Cruz
Presidente da ABC Coordenadora

*

Fonte: Perfil Social da ABC – Academia Barretense de Cultura

Prêmio Radiotelegrafista Amaro Pereira de Crônica

1. Participantes:

1.1. Qualquer cidadão brasileiro ou estrangeiro, sendo que as crônicas inscritas estejam em língua portuguesa.

1.2. A idade mínima para participação do concurso é de 14 anos.

2. Período de inscrição:

2.1. Início: 01 de setembro de 2014.
Término: 30 de novembro de 2014.

2.2. Os trabalhos poderão ser enviando para o seguinte endereço postal:

PRÊMIO RADIOTELEGRAFISTA AMARO PEREIRA DE CRÔNICA
A/C RODRIGO OCTAVIO PEREIRA DE ANDRADE
ENDEREÇO: RUA JORGE LÓSSIO, N°1478.
BAIRRO: VILA NOVA.
CIDADE: CABO FRIO/RJ.
CEP.: 28907-015.

2.3. As inscrições são aceitas até o dia 30 de novembro de 2014 ou enviadas por via postal até mesma data, valendo o carimbo postal como comprovante do prazo.

2.4. As inscrições poderão ser feitas via e-mail. Enviar até a data limite para: poesiarte@hotmail.com

3. Categoria:

3.1. Crônica – 1 (uma) por concorrente, com máximo de 2 (duas) laudas (folhas).

4.Tema: UMA MENSAGEM DE PAZ.

4.1. O objetivo do tema é estimular a criatividade dos participantes, levando-os a uma reflexão para vida neste século.

“Não existe um caminho para a paz. A paz é o caminho.” (Mahatma Gandhi)

5.Textos:

5.1.Deverão ser escritos em língua portuguesa (idem ao item 1.1), digitados em papel branco A4, de um só lado da folha em fonte Arial ou Times New Roman, tamanho 12, espaço 1,5, em 6 (seis) vias (cópias).

5.2. Não serão aceitos trabalhos manuscritos, ou seja, fugir do padrão exigido. (ver item 3.1)

5.3. Os trabalhos deverão ser inéditos, isto é, ainda não publicados em nenhum meio de comunicação ou em livro e principalmente por sites ou blogs na internet.

5.4. Os textos deverão conter exclusivamente o título da obra e o pseudônimo do autor.

5.5. Os pseudônimos não deverão guardar qualquer semelhança com o nome, apelido ou outro fator de identificação do concorrente, pois se houver o inscrito será eliminado.

5.6. Casos de plágios serão denunciados pela organização do concurso.

6. Apresentação dos trabalhos por envelope e via e-mail.

6.1. Os trabalhos deverão ser enviados dentro de um envelope endereçado da seguinte maneira (idem ao item 2.2):

PRÊMIO RADIOTELEGRAFISTA AMARO PEREIRA DE CRÔNICA
A/C RODRIGO OCTAVIO PEREIRA DE ANDRADE
ENDEREÇO: RUA JORGE LÓSSIO, N°1478.
BAIRRO: VILA NOVA.
CIDADE: CABO FRIO/RJ.
CEP.: 28907-015.

No remetente deverá vir escrito o nome do autor e o endereço.

6.2. O pseudônimo não poderá vir escrito no exterior do envelope.

6.3. Todas as folhas dos trabalhos deverão conter apenas o pseudônimo no rodapé, sem assinatura ou qualquer ou tipo de identificação.

6.4. A ficha de inscrição deverá estar preenchida e assinada e deverá vir dentro do envelope.

Segue o modelo de ficha de inscrição:

Nome completo;
Cidade de origem:
Data de nascimento completa:
Cidade que representa:
Atividade que ocupa:
Título da crônica:
Pseudônimo:
Site ou blog:
E-mail:
Endereço postal:

6.5. Caso o inscrito não preencher devidamente o formulário acima não estará qualificado para o certame do concurso.

6.6. Não haverá devolução dos trabalhos recebidos.

6.7. Os trabalhos que não obedecerem às regras deste concurso serão automaticamente desclassificados.

6.8. As crônicas enviados por via e-mail deverão estar em documento Word, seguindo as especificações do item 5.1.

6.9. Não serão aceitas inscrições através de PDFS ou digitalizações.

7. Julgamento:

7.1. O corpo de jurados será formado por profissionais da área, altamente qualificados pela Comissão Organizadora do Concurso, que serão conhecidos e apresentados brevemente no blog:
http://radiotelegrafistaamaropereira.blogspot.com.br/

7.2. As decisões do júri são soberanas e irrecorríveis.

7.3. Serão ainda critérios para o julgamento das obras inscritas:

a) Vocabulário.
b) Conotação (uso de figuras de linguagem).
c) Discurso.
d) Intertextualidade.
e) Criatividade.

7.4. Cada item acima valerá 20 pontos, o somatório de todos itens é de 100 pontos.

7.5. Serão 06 (seis) jurados que farão suas avaliações e irão comentar cada obra finalista, dando o resultado final após o somatório dos pontos.

7.6. Manter o texto dentro das dimensões propostas no Regulamento.

7.7. Não serão aceitos trabalhos fora do tema estipulado.

7.8. Trabalhos com menções pornográficas, preconceituosas (cor, raças, sexo, religião, etc) serão automaticamente eliminados pelo júri.

7.9. A comissão organizadora decidirá sobre as omissões deste regulamento, depois de ouvida a opinião do júri.

8.Divulgação dos resultados:

8.1. A divulgação dos poemas inscritos com os seus pseudônimos será feita através do blog do concurso.

8.2. O resultado final do concurso será no dia 17 de novembro de 2014.

8.3. Tudo será divulgado no blog do concurso.

8.4. Caso ocorra atrasos nos resultados as datas serão modificadas e os inscritos saberão através do blog.

9. Premiação:

9.1. O primeiro colocado receberá um troféu, um diploma, dois livros, medalha de ouro e uma caricatura feita pelo caricaturista Zel Humor.

9.2. O segundo colocado receberá um diploma, um livro e medalha de prata.

9.3. O terceiro receberá um diploma, um livro e medalha de bronze.

9.4. O quarto receberá um diploma e um livro.

9.5. O quinto receberá um diploma e um livro.

9.6. O sexto receberá um diploma e um livro.

9.7. Caso no decorrer do concurso a comissão organizadora possa adquirir patrocínios, os prêmios serão mais pomposos com a realidade do concurso.

9.8. Não será permitido empate.

10. Disposições Gerais:

10.1. O PRÊMIO RADIOTELEGRAFISTA AMARO PEREIRA DE CRÔNICA se reserva no direito de publicar os poemas inscritos, vencedores ou não, em livros, ficando explícito que o ato de inscrição através da ficha implica em autorização para publicação.

10.2. Os autores das crônicas publicadas serão automaticamente avisados por via e-mail.

10.3. Nesta edição o Coordenador de Divulgação Virtual do PRÊMIO RADIOTELEGRAFISTA AMARO PEREIRA DE CRÔNICA será o escritor Edweine Loureiro de Saitama/Japão.

Cabo Frio, 30 de agosto de 2014.

Rodrigo Octavio Pereira de Andrade (Rodrigo Poeta)
Coordenador e idealizador do PRÊMIO RADIOTELEGRAFISTA AMARO PEREIRA DE CRÔNICA

Edweine Loureiro
Coordenador de Divulgação Virtual do PRÊMIO RADIOTELEGRAFISTA AMARO PEREIRA DE CRÔNICA

JURADOS

SYLVIA MARIA – PROFESSORA E ACADÊMICA DA ACADEMIA CABO-FRIENSE DE LETRAS
ANTHONY MOHAMMAD – POETA E COLCABORADOR DO PORTAL ÁRABE
ALBERTO ARECCHI – ESCRITOR
IVA MARIA – JORNALISTA E ARTISTA PLÁSTICA
EDWEINE LOUREIRO – PROFESSOR E ESCRITOR
MARCELO DE OLIVEIRA – PROFESSOR E ESCRITOR
MARCELO REIS – PRESIDENTE DA ABRAONG
ANDREA PIRES – POETISA
VANDA BUGRA – POETISA
JORGE HENRIQUE – GALPÃO DA CULTURA NEGRA

*

Fonte: radiotelegrafistaamaropereira

Concurso Lamparina Pública – Prosa e Poesia

1 – O período de inscrição vai do dia 01/10/2014 até as 23h59 do dia 30/11/2014.

As inscrições são gratuitas e devem ser efetuadas por email, obrigatoriamente endereçadas a: concurso.lamparina@gmail.com

2 – Deve constar, obrigatoriamente, no campo do assunto do email:

“concurso lamparina publica – prosa e poesia ”

Deve constar, obrigatoriamente, no corpo do email:
Nome completo do participante (especificar nome artístico, se houver), seguido do nome do projeto/livro.

3 – Deve constar, obrigatoriamente, em anexo no email:

01 arquivo – contendo ficha de inscrição preenchida pelo participante. (a ficha de inscrição encontra-se no site www.lamparinaluminosa.com e no blog editoralivrepopularartesanal.blogspot.com)

01 arquivo – até 10 paginas contendo trechos do livro proposto (pronto ou em construção) em formato Word (.doc) ou PDF.

01 arquivo – até 01 página contendo uma auto-biografia e release do livro proposto.

Podem constar anexos opcionais (não obrigatórios):
Materiais complementares que possam contribuir para melhor compreensão do projeto.
Limite de até 5 anexos (por um maximo de 4Mb por anexo).

*Vale ressaltar que o livro-projeto é um arquivo para analise da banca examinadora, o qual, não precisa estar finalizado. Já na fase de editoração, caso o participante seja contemplado, os parâmetros serão criados e definidos com precisão em parceria com o artista e a editora.

VALIDAÇÃO DA INSCRIÇÃO

4 Cada inscrição será confirmada através de um email-resposta em até 3 dias, contados a partir da data de envio da inscrição.

5 Caso o participante não receba este retorno, estabelecer novo contato no mesmo email, relatando o ocorrido. O email de recebimento é o que confirma e garante a inscrição do participante no concurso.

6 As inscrições enviadas antes ou após a data e horário informados no edital, serão desconsideradas.

7 As inscrições que não constarem todos os itens obrigatórios serão invalidadas.

VALUTAÇÃO DAS PROPOSTAS

8 A comissão será composta por:

01 membro da entidade proponente Associação de Promoção Humana e Resgate da Cidadania
01 membro do Ponto de Cultura Editora Livre Popular Artesanal – Lamparina Luminosa
02 profissionais convidados da área artístico-literária
01 representante da sociedade civil, morador de um dos bairros mais próximos à sede que abriga a Associação de Promoção Humana e Resgate da Cidadania

9 no caso de projetos que apresentem paridade de qualidade artística serão considerados com prioridade os projetos de proponentes moradores dos 5 bairros de SBC mais próximos à sede que abriga o Ponto de Cultura Editora Livre Popular Artesanal – Lamparina Luminosa (Jd. Silvina, Vila São José, Parque Selecta, Cafezais/Montanhão e Ferrazópolis)

PREMIAÇÃO

10 O resultado da premiação será divulgado no site da lamparina luminosa (www.lamparinaluminosa.com) e no blog (editoralivrepopularartesanal.blogspot.com) até o dia 20 de dezembro de 2014.

11 Os 03 vencedores contemplados, receberão aviso da premiação por email.

12 Serão premiados 03 livros de proponentes distintos.

13 Cada vencedor será premiado com a publicação de sua obra editada pela Lamparina Luminosa, com uma tiragem aproximada de 150 exemplares, capa colorida (não obrigatoriamente) e miolo impresso em 1cor (preto e branco), média de 120 páginas por livro, no formato 14×21 cm, Isbn, código de barra e ficha catalográfica a ser lançada no primeiro semestre de 2015.

14 Os livros serão publicados sob a licenças Creative Commons, com a atribuição BY NC SA (saiba mais: creativecommons.org.br)

15 10% dos livros publicados, serão distribuídos gratuitamente a título promocional, 20% será entregue ao autor após o lançamento e o restante comercializado de acordo com os parâmetros da Lamparina Luminosa.

16 A premiação só será efetivada mediante encontro presencial na editora, a ser agendado após a divulgação dos vencedores do concurso.

14 Caso o vencedor seja menor de idade, será necessária a presença de um maior responsável no momento de formalização da premiação.

BOA SORTE!

*

Fonte: Lamparina Luminosa

Projeto Paixões Clandestinas: Outras Paixões

1. Do Projeto:

1.1. A Editora Nanquim oferece o Projeto Paixões Clandestinas: Outras Paixões, cujo intuito é o de recolher histórias de amor e experiências de pessoas comuns em relatos breves com esse tema, a serem selecionadas para comporem um e-book (livro digital) de distribuição gratuita;

1.2. O período de recebimento das histórias vai de 25 de agosto de 2014 até 30 de novembro de 2014, às 23h59 (horário de Brasília);

1.3. O lançamento do e-book ocorrerá no primeiro trimestre de 2015, para download aberto e gratuito. Para receber as novidades do Projeto basta curtir a página “Paixões Clandestinas” no Facebook.

1.4 Caso, após deliberação, a Editora julgue o projeto inviável por razões a serem listadas e divulgadas aos participantes do mesmo. A Editora terá plena decisão em interromper o projeto e fechar o site. Desde já fica esclarecido que isso ocorrerá somente em circunstâncias excepcionais e não será fruto de arbitrariedade por parte da Editora.

2. Dos Participantes:

2.1. Os participantes do Projeto devem encaminhar as suas histórias para o e-mail paixoesclandestinas@editorananquim.com.br;

2.2. As histórias então serão postadas no site oficial do Projeto: http://paixoesclandestinas.com;

2.3. Ao enviar sua história o(a) participante declara que a obra é de sua autoria, nunca antes publicada em outras mídias protegidas por direitos autorais (livros, revistas, jornais, entre outras), salvo blog pessoal ou página em rede social;

2.4. Ao enviar sua história o(a) participante consente com a publicação no sobrecitado e-book de distribuição gratuita, e por isso cede os direitos autorais para tal publicação à Editora Nanquim, bem como autoriza a reprodução total ou parcial da sua história na página do Projeto no Facebook (Paixões Clandestinas) e em quaisquer veículos midiáticos em que o Projeto for divulgado;

2.5. O(a) participante deve assinar a história com o seu próprio nome ou sob pseudônimo. Não serão publicadas as histórias sem essa identificiação e a Editora Nanquim se compromete a guardar absoluto sigilo em caso de preferência pelo pseudônimo.

3. Das Histórias:

3.1. Não há limitação de caracteres. No entanto, convém observar que quanto maior for a capacidade de prender a atenção dos leitores, mais visibilidade a história terá. Vale acessar a guia “10 Dicas para escrever uma boa história.”

3.2. Cada participante pode enviar mais de uma história de amor, identificadas com o mesmo nome ou pseudônimo, mas com títulos diferentes. Não serão aceitas histórias em partes (cada post uma parte);

3.3. O título é obrigatório. Não serão aceitas histórias sem título;

3.4. Todas as histórias serão analisadas pela Editora Nanquim, que verificará os requisitos contidos nos itens 2.5 e 3.2 presentes neste regulamento, e não fará qualquer tipo de alteração no conteúdo das histórias, mas se reserva o direito de editar possíveis erros de ortografia e gramática;

3.5. Uma vez aprovada a história, ela será publicada dentro de um prazo de 48 (quarenta e oito) horas a partir do recebimento do e-mail;

3.6. O(a) participante receberá um e-mail em resposta com a confirmação da aprovação da história, junto com um link da respectiva história no site do Projeto para iniciarem o compartilhamento (ver item 4);

3.7. Para esclarecimentos em caso da não publicação da história, entre em contato pelo e-mail: paixoesclandestinas@editorananquim.com.br.

4. Da Seleção e Votação das Histórias:

4.1. Todas as histórias estarão disponíveis no site http://paixoesclandestinas.com, sendo que as 50 mais votadas farão parte do e-book do Projeto;

4.2. A votação é aberta ao público e funcionará através de compartilhamento através do próprio site do Projeto (clicar no botão “Facebook” logo abaixo de cada história). Para votar numa determinada história basta curtir a página do Projeto no Facebook (Paixões Clandestinas) e compartilhar a história escolhida no Facebook, clicando no botão “Facebook” ao fim da história;

4.3. Compartilhamentos feitos diretamente pelo Facebook não serão computados. Só serão considerados aqueles feitos através do site do Projeto;

4.4. Assim, conforme o item 4.2, as 50 histórias mais compartilhadas farão parte do e-book;

4.5. A Editora Nanquim encoraja a divulgação das histórias pelos próprios participantes para que recebam mais compartilhamentos;

4.6. Conforme os itens 2.3 e 2.4, a Editora Nanquim recebe a permissão dos participantes para a publicação das suas histórias no referido e-book, bem como a desobrigação de quaisquer encargos ou abonos financeiros para as partes envolvidas;

4.7. Será obedecido o limite de 2 (duas) histórias por autoria na publicação do e-book, caso um(a) mesmo(a) participante tenha um número maior do que este de histórias enviadas para o Projeto e estas constarem entre as 50 mais compartilhadas. Para publicações no site do Projeto não há limite de histórias de um(a) mesmo(a) autor(a).

5. Outros:

5.1 Para dúvidas relativas a itens não previstos ou não especificados no regulamento, escreva para paixoesclandestinas@editorananquim.com.br;

5.2. Para dicas de como escrever bem a sua história, acesse:

10 Dicas para escrever uma boa história

O PROJETO PAIXÕES CLANDESTINAS: OUTRAS PAIXÕES é um oferecimento da Editora Nanquim.

O livro PAIXÕES CLANDESTINAS tem lançamento previsto para Setembro e estará à venda no site da Nanquim: http://www.editorananquim.com.br

Atenciosamente,

Editora Nanquim.

Florianópolis, 23 de agosto de 2014.

*

Fonte: site do regulamento

BACK