2ª Concurso Internacional de Contos VICENTE CARDOSO (10/09)

A Comissão Central organizadora da 8ª Feira do Livro de Santa Rosa, com a finalidade de estimular a produção literária local, e o intercâmbio com escritores brasileiros e de outros países institui edital que regulamenta a 2ª edição do Concurso Internacional de Contos VICENTE CARDOSO.

Siga @benfazeja
mantenha-se atualizado!

1- Poderão participar escritores, maiores de 18 anos.

2- O tema será: contos de fantasia e/ou ficção científica.

3- Os textos deverão ser em língua portuguesa – digitados em Word ou BrOffice – fonte Arial – tamanho 12 – espaçamento simples – justificado – máximo de 4 laudas.

4- Os textos serão enviados para o endereço eletrônico concursodecontosvicentecardoso@gmail.com no campo assunto virá “Concurso Internacional de Contos Vicente Cardoso” com arquivo em anexo nomeado “Texto” constando o texto sem identificação do autor, apenas pseudônimo. Também um outro arquivo nomeado “DadosPseudonimo” sendo que no lugar de Pseudônimo virá o pseudônimo escolhido. Por exemplo, se o pseudônimo for “Adalio” o arquivo será nomeado “DadosAdalio”. Neste arquivo constarão: pseudônimo, nome real, endereço, endereço eletrônico, telefone e breve currículo do autor. Poderão ser enviados até 2(dois) textos por participante. A cada e-mail corresponderá apenas 1(um) texto anexo. Portanto quem desejar inscrever-se no concurso com dois textos deverá enviar 2(dois) e-mails.

5- Os textos devem ser inéditos de publicação em livro na mídia papel. Publicação em livro sem registro ISBN ou e-book não quebram o ineditismo da obra.

6- Aos cinco primeiro colocados serão entregues:

1º colocado: diploma constando colocação, 15 exemplares da coletânea com os textos premiados no concurso e uma cesta de livros de escritores santa-rosenses;

2º colocado: diploma constando colocação, 10 exemplares da coletânea com os textos premiados no concurso e uma cesta de livros de escritores santa-rosenses;

3º colocado: diploma constando colocação e 9 exemplares da coletânea com os textos premiados no concurso.

4º colocado: diploma constando colocação e 8 exemplares da coletânea com os textos premiados no concurso.

5º colocado: diploma constando colocação e 7 exemplares da coletânea com os textos premiados no concurso.

7- Todos os autores que tiverem textos selecionados para participar da coletânea receberão diploma com esta menção.

8- A coletânea terá registro ISBN e será lançada na 8ª Feira do Livro de Santa Rosa que acontecerá de 7 a 10 de Novembro de 2012 na Praça da Bandeira e Centro Cultural.

9- Ao enviar seus textos os autores estarão cedendo os direitos autorais da obra enviada para publicação em livro, e-book, áudio livro e PDF a comissão organizadora da 8ª Feira do Livro de Santa Rosa.

10- Os textos poderão ser enviados até 10 de Setembro de 2012 exclusivamente via internet conforme consta no artigo 4º deste regulamento.

11- Esta vedada a participação de integrantes ou familiares dos integrantes da comissão central da 8ª Feira do Livro de Santa Rosa e de familiares dos membros da comissão julgadora deste concurso.

12- Os contos serão julgados por uma comissão de alto nível literário, indicada pela Comissão Central da 8ª Feira do Livro de Santa Rosa, cuja decisão será soberana, à qual não cabem recursos sobre o resultado do concurso.

13- As inscrições fora das normas do concurso não serão aceitas.

14- É de responsabilidade exclusiva do concorrente a observância e regularização de toda e qualquer questão relativa a direitos autorais sobre a obra inscrita.

15-Este edital atende ao disposto na Lei Federal nº 9.610 de 12/02/1998 sobre direitos autorais.

16-Os premiados concordam e permitem a divulgação de seu nome e imagem para a divulgação do concurso, sem qualquer ônus para os realizadores.

17-Os participantes declaram estar cientes e de acordo com este regulamento.

18-Os casos omissos neste regulamento serão resolvidos pela Comissão Central da 8ª Feira do Livro de Santa Rosa.

*

Fonte: Organizador

X Prêmio Barueri de Literatura

** PRORROGADO ATÉ 10 DE SETEMBRO

Regulamento:

Artigo 1º) O Prêmio Barueri de Literatura será organizado pela Secretaria de Cultura e Turismo.
Parágrafo único O tema é livre e o propósito é revelar novos talentos e promover o entusiasmo pela literatura. A periodicidade do evento é anual e a ocorrência desdobrar-se-á nos meses de Julho a Novembro.

Artigo 2º) O Prêmio Barueri de Literatura consistirá em concurso de contos e poesias, subdividindo-se em quatro categorias:

§1º) Autores locais com idade de até 13 anos, 11 meses e 29 dias completada até a data da inscrição;
§2º) Autores locais com idade de 14 anos à 17 anos, 11 meses e 29 dias completada até a data da inscrição;
§3º) Autores locais com idade acima de 18 anos;
§4º) Autores não residentes em Barueri;

Artigo 3º) Os autores com idade inferior a 18 anos deverão ser representados por seus pais ou representantes legais no ato da inscrição. Para autores locais será exigida a exibição de comprovante de idade e de residência.

Acesse outros concursos

Artigo 4º) Os trabalhos deverão ser entregues no ato da inscrição, representando tal ato a concordância implícita dos autores com as normas do concurso, inclusive concedendo à Prefeitura Municipal de Barueri o direito de publicação dos trabalhos e assumindo total responsabilidade por plágio, cópia indevida e demais crimes previstos em lei.

Artigo 5º) Os autores poderão inscrever-se simultaneamente nas duas modalidades (contos e poesias), com no máximo 02 (dois) trabalhos em cada uma delas.

Artigo 6º) Os textos deverão ser redigidos em língua portuguesa, o que não impede a utilização de termos estrangeiros.

Artigo 7º) Na modalidade poesia, serão admitidas no máximo 3 (três) páginas para cada obra inscrita, com 3 (três) cópias, em papel branco, formato A-4 (210mm x 297mm), digitadas em corpo 14, fonte Arial ou Times New Roman, usando apenas um lado da folha.
§1º. As obras deverão conter o seu título e o texto.
§2º. Em folha à parte deverão constar dados completos do autor e, quando menor de 18 anos, também os
dados do seu representante legal (nome, endereço, telefone, número da cédula de identidade, número do CPF, e-mail, e título das obras).

Artigo 8º) Na modalidade conto, serão observados os requisitos seguintes:
I – para cada autor menor de 13 (treze) anos: inscrição de até 2 (duas) obras que contenham no máximo 3 (três) páginas, e no mínimo 1 (uma) página, com 3 (três) cópias de cada página, em papel branco, formato A-4 (210mm x 297mm), digitadas em corpo 14, fonte Arial ou Times New Roman, usando apenas um lado
da folha.
II – para cada autor da categoria de 14 (quatorze) e 17 (dezessete) anos e a categoria não residente: inscrição de até 2 (duas) obras que contenham no máximo 5 (cinco) páginas, e no mínimo 3 (três) páginas, com 3 (três) cópias de cada página, em papel branco, formato A-4 (210mm x 297mm), digitadas em corpo
14, fonte Arial ou Times New Roman, usando apenas um lado da folha.
III – para cada autor da categoria com idade acima de 18 anos e a categoria não residente: inscrição de até 2 (duas) obras que contenham no máximo 5 (cinco) páginas, e no mínimo 3 (três) páginas, com 3 (três) cópias de cada página, em papel branco, formato A-4 (210mm x 297mm), digitadas em corpo 14, fonte Arial ou Times New Roman, usando apenas um lado da folha.
§1º. As obras deverão conter o seu título e o texto.
§2º. Em folha anexa deverão constar dados completos do autor, e quando menor de 18 anos, também os
dados do seu representante (nome, endereço, telefone, número da cédula de identidade, número do CPF, e-mail, e os títulos das obras.

Siga @benfazeja
mantenha-se atualizado!

Artigo 9º) As inscrições terão início em 02 de Julho de 2012 e encerramento em 31 de agosto de 2012,
devendo ser feitas pessoalmente nas Bibliotecas Municipais, no Ganha Tempo – Av. Henriqueta Mendes Guerra, n° 550, Centro e no Quiosque do Bulevar- Posto de informações, Centro.
Parágrafo Único. Apenas para os autores não residentes em Barueri, as inscrições poderão ser feitas pelo Correio (Centro Cultural – A/C do Depto de Bibliotecas, Rua Mônaco, 260 – Parque Santa Luzia – Barueri – CEP 06402-120, desde que postadas até 31/08/2012.

Artigo 10º) A organização publicará, no decorrer do mês de novembro de 2013, livro-coletânea reunindo os três primeiros trabalhos de cada modalidade e categoria.

Artigo 11º) O presente regulamento valerá somente para a Edição 2012 do “Prêmio Barueri de Literatura”

Artigo 12º) A classificação final será comunicada pela imprensa local e por meio de contato telefônico, sendo ainda disponibilizada no site: www.barueri.sp.gov.br.

Artigo 13º) Não poderão participar do concurso, em quaisquer das categorias, funcionários da Secretaria
de Cultura e Turismo.

Artigo 14º) As obras inscritas não serão devolvidas pela organização.

Artigo 15º) Os casos omissos serão resolvidos conforme entendimento da Comissão Organizadora.

Artigo 16º) A decisão da Comissão Julgadora é irrecorrível.

Artigo 17º) À Comissão Organizadora fica reservado o direito de não conceder, no todo ou em parte as
premiações aludidas neste concurso, seja em função do número de inscrições e ou pelo nível qualitativo dos textos apresentados.

Artigo 18º) Os pagamentos efetuados à pessoa física sofrerão retenção de imposto de renda na fonte, nos termos da legislação em vigor.

I – Das Datas Importantes
Dia 02/07/12 – Início das inscrições;
Dia 31/08/12 – Encerramento das inscrições;
Dia 23/11/12 – Premiação no Teatro Municipal de Barueri – R. Ministro Rafael de Barros Monteiro, nº 255 – Jd. dos Camargos – Barueri – SP a partir das 19 horas;
II – Da Premiação
a) Categoria autores locais com idade de até 13 anos, 11 meses e 29 dias completados até a data da inscrição:
1) Conto:
– 1º lugar – Troféu, publicação da obra, 50 exemplares da publicação e R$1500,00 (Hum mil e quinhentos reais).
– 2º e 3º lugar – Troféu, publicação da obra e 50 exemplares da publicação.
– Honra ao Mérito – Certificado
2) Poesias:
– 1º lugar – Troféu, publicação da obra, 50 exemplares da publicação e R$1500,00 (Hum mil e quinhentos reais).
-2º e 3° lugar – Troféu, publicação da obra e 50 exemplares da publicação.
– Honra ao Mérito – Certificado

b) Categoria autores locais com idade entre 14 a 17 anos 11 meses e 29 dias:
1) Conto:
-1º lugar – Troféu, publicação da obra, 50 exemplares da publicação e R$1500,00 ( Hum mil e quinhentos reais).
-2º e 3º lugar-Troféu, publicação da obra e 50 exemplares da publicação.
– Honra ao Mérito – Certificado
2) Poesia:
– 1º lugar – Troféu, publicação da obra, 50 exemplares da publicação e R$1500,00 ( Hum mil e quinhentos reais). .
– 2º e 3º lugar – Troféu, publicação da obra e 50 exemplares da publicação.
– Honra ao Mérito – Certificado

c) Categoria autores locais com idade acima de 18 anos.
1) Conto:
-1º lugar – Troféu, publicação da obra, 50 exemplares da publicação e R$3.000 (três mil reais).
-2º e 3º lugar-Troféu, publicação da obra e 50 exemplares da publicação.
– Honra ao Mérito – Certificado
2) Poesia:
– 1º lugar – Troféu, publicação da obra, 50 exemplares da publicação e R$3.000 (três mil reais).
– 2º e 3º lugar – Troféu, publicação da obra e 50 exemplares da publicação.
– Honra ao Mérito – Certificado

d) Categoria autores não residentes em Barueri
1) Conto:
-1º lugar – Troféu, publicação da obra, 50 exemplares da publicação e R$1.000,00 ( Hum mil reais).
– 2º e 3º lugar – Troféu, publicação da obra e 50 exemplares da publicação.
– Honra ao Mérito – Certificado
2) Poesia:
– 1º lugar – Troféu, publicação da obra, 50 exemplares da publicação e R$ 1.000,00 ( Hum mil reais).
– 2º e 3º lugar – Troféu, publicação da obra 50 exemplares da publicação.
-Honra ao Mérito – Certificado
*

Fonte: Organizador

II Concurso Cepe de Literatura Infantil e Juvenil

REGULAMENTO:

1. A participação está aberta a todos os brasileiros natos e naturalizados, residentes no território nacional. Funcionários da Cepe e seus parentes em primeiro grau não poderão participar.

2. Haverá duas categorias de inscrição:
– Infantil (os textos apresentados devem se destinar ao leitor entre 6 e 10 anos).
– Juvenil (os textos apresentados devem se destinar ao leitor entre 11 e 16 anos).

3. Cada participante poderá concorrer nas duas categorias, sem limite para o número de obras inscritas.

Siga @benfazeja
mantenha-se atualizado!

4. As inscrições estarão abertas de 01/06/2012 a 15/09/2012, sendo considerada a data de postagem das obras nos Correios.

5. Os textos deverão ser endereçados à Companhia Editora de Pernambuco – Cepe, Rua Coelho Leite, 530, Santo Amaro – Recife – PE – CEP: 50100-140.

6. Os textos deverão ser inéditos e escritos em língua portuguesa. Entende-se por inédito o texto não editado e não publicado (parcialmente ou em sua totalidade) em antologias, coletâneas, suplementos literários, jornais, revistas, sites e qualquer outra publicação.

7. Os interessados podem inscrever obras em qualquer gênero (teatro, poesia, contos, romance etc), com tema e quantidade de páginas livres.

8. A identificação do candidato deverá ser feita por meio de pseudônimo, que deverá constar em todas as cópias da obra inscrita. Paralelamente, em envelope lacrado e identificado com o pseudônimo, o participante deverá apresentar seus dados pessoais (nome completo, endereço, telefone, e-mail, número de RG e CPF, profissão).

9. O candidato deverá enviar cinco cópias de cada obra, obedecendo à seguinte formatação: Word, fonte Times New Roman, corpo 12, espaçamento duplo. Páginas numeradas e impressas em papel carta ou A4, grampeadas ou encadernadas.

10. Poderão ser inscritas obras com ilustrações já inseridas, porém apenas o texto será julgado. Havendo publicação da obra, a diretoria da Cepe poderá optar por ilustrá-la segundo critérios próprios de editoração.

11. Os originais em desacordo com essas normas serão desclassificados.

12. A comissão julgadora, composta de cinco membros, será nomeada pela diretoria da Cepe, sendo formada por especialistas em literatura infantojuvenil e profissionais das áreas de educação e cultura. A composição do júri será mantida em segredo até a nomeação dos vencedores do concurso.

13. A decisão da comissão é irrevogável. O anúncio do resultado será publicado no Diário Oficial do Estado de Pernambuco, no Portal da Cepe e em veículos midiáticos.

14. O primeiro colocado de cada categoria receberá um prêmio de R$ 8.000,00 (oito mil reais); o segundo colocado, R$ 5.000,00 (cinco mil reais) e o terceiro, R$ 3.000,00 (três mil reais).

15. A Companhia Editora de Pernambuco – Cepe terá exclusividade na edição das obras vencedoras. Poderá, também, manifestar interesse pela edição de trabalhos não premiados no concurso, recomendados pela comissão julgadora. Assim, durante o prazo de 10 meses, a contar da data de divulgação dos resultados do concurso, poderá haver contato com os autores de obras recomendadas pela comissão julgadora, visando adquirir os direitos de publicação.

16. A Companhia Editora de Pernambuco – Cepe poderá decidir pela não publicação das obras premiadas. Neste caso, os vencedores serão comunicados oficialmente pela Cepe da decisão, ficando desobrigados da cláusula de exclusividade de edição.

17. Os textos e demais documentos entregues à Cepe não serão devolvidos.

18. A apresentação de obras para participar do III Concurso Cepe de Literatura Infantil e Juvenil implica no total acordo às normas aqui expressas.

*

Fonte: Companhia Editora de Pernambuco – Cepe

Prêmio Feuc de Literatura

JUSTIFICATIVA: a FEUC, Fundação Educacional Unificada Campograndense, realiza, através do seu Centro Cultural, o PRÊMIO FEUC DE LITERATURA – versão 2012, com o objetivo de incentivar a criação artística e premiar seus autores.

CATEGORIAS:

– 1: Aluno da FEUC (matriculados na Faculdade, na Pós-graduação, no CAEL ou no Colégio Magali);
– 2: Âmbito Nacional (todos que não estejam matriculados na FEUC).

MODALIDADE: poema.

TEMA: de livre escolha para as duas categorias.

APRESENTAÇÃO: obra digitada no Word; fonte Times New Roman; tamanho 12; espaço simples; máximo de 30 versos.

QUANTIDADE: um poema por candidato.

INSCRIÇÃO: de 20 de julho a 20 de setembro de 2012.

ENVIO: só serão aceitos poemas enviados por e-mail para o endereço: premio@feuc.br

IDENTIFICAÇÃO: abaixo do poema, colocar o pseudônimo e a categoria.

Siga @benfazeja
mantenha-se atualizado!

FICHA DE INSCRIÇÃO: no mesmo arquivo do poema, enviar as seguintes informações: nome, pseudônimo, título do poema, categoria, endereço completo, cep, telefone, e-mail; não é necessário
enviar currículo.

JULGAMENTO: a comissão julgadora selecionará os melhores trabalhos, os quais estarão classificados para a final do concurso. Os nomes dos jurados serão divulgados em ocasião oportuna.

PREMIAÇÃO:

– Categorias 1 e 2:
1º lugar: R$ 400,00 e certificado.
2º lugar: R$ 300,00 e certificado.
3º lugar: R$ 200,00 e certificado.

RESULTADO:

– Classificados na 1ª etapa: na 1ª quinzena de novembro de 2012;

– Vencedores do concurso: na 1ª quinzena de dezembro de 2012.

DIVULGAÇÃO DO RESULTADO: todos os inscritos serão comunicados por e-mail, tanto sobre a classificação na 1ª etapa, quanto sobre a final do concurso.

MAIS INFORMAÇÕES:

1. Caso seja editada uma antologia com as obras classificadas, a FEUC se reserva o direito de distribuí-la para entidades culturais e/ou vendê-la para ressarcimento de custos, como também publicar essas obras em outras edições.

2. As antologias serão dadas aos candidatos, a título de direitos autorais, na seguinte disposição em cada categoria:
– 1º lugar: 5 exemplares;
– 2º lugar: 5 exemplares;
– 3º lugar: 5 exemplares.
– demais classificados: 2 exemplares para cada um.

3. Os livros editados serão entregues ao autor (ou ao seu representante) pessoalmente. A FEUC não se responsabiliza pelo envio das antologias através do correio. Se o autor quiser receber seus livros pelo correio, deve arcar com as despesas desse procedimento.

4. Os trabalhos enviados não serão devolvidos.

5. A inscrição neste concurso corresponde à aceitação plena deste regulamento. O não-cumprimento do mesmo resultará a desclassificação do candidato.

6. Os casos omissos neste regulamento serão resolvidos pela comissão organizadora do concurso.

Modelo da Ficha de Inscrição:

NOME:
PSEUDÔNIMO:

TÍTULO DO POEMA:
CATEGORIA:

ENDEREÇO COMPLETO:
Rua:
Nº:
Bairro:
Cidade:
Estado:
Cep:

TELEFONE:
E-MAIL:

*

Fonte: Fundação Educacional Unificada Campograndense

2º. Concurso Literário da AMLAC

Regulamento:
2º CONCURSO LITERÁRIO DA AMLAC
ACADEMIA METROPOLITANA DE LETRAS, ARTES E CIÊNCIAS
VINHEDO – SP

O 2º. Concurso Literário da AMLAC tem por objetivo premiar a criatividade literária, a difusão da literatura em Língua Portuguesa, possibilitar o surgimento de novos talentos literários e estimular a literatura junto aos alunos do Ensino Fundamental II, Ensino Médio e EJA.

1. O concurso destina-se a:
GRUPO A: alunos do Ensino Fundamental II – 6º e 7º anos
GRUPO B: alunos do Ensino Fundamental II – 8º e 9º anos
GRUPO C: alunos do Ensino Médio/EJA
GRUPO D: participantes em geral

1.1 O concurso terá 3 (três) categorias: Contos, Crônicas e Poemas.
1.2 Cada participante poderá participar com apenas 1 (um) trabalho em cada categoria.
1.3 Para cada categoria deverá ser usado um pseudônimo diferente.
1.4 Não é exigido ineditismo.

Siga @benfazeja
mantenha-se atualizado!

2. Temática dos trabalhos: LIVRE.

3. Os trabalhos deverão ser individuais e elaborados com os seguintes critérios:

3.1 Conto: 8 (oito) páginas no máximo
3.2 Crônica: 3 (três) páginas no máximo
3.3 Poema: 2 (duas) páginas no máximo

4. Os textos inscritos deverão ser encaminhados obedecendo os critérios estipulados abaixo:

4.1 03 (três) vias digitadas conforme o item 4.3, constando apenas o título e o pseudônimo no início de cada lauda, com a numeração da mesma.

4.2 01 (um) CD contendo o texto digitalizado, com o pseudônimo do autor, categoria e título do texto inscrito.
4.3 Formatação: em apenas uma face de papel tamanho A4; espaçamento 1,5 entre as linhas; fonte Times New Roman (12) ou Arial (11); margens superior e esquerda com 3 cm; margens inferior e direita com 2 cm.

5. Participação dos estabelecimentos de ensino:

5.1 Cada estabelecimento de ensino poderá enviar no máximo 10 (dez) trabalhos em cada categoria, em conformidade com as divisões dos grupos participantes, no total máximo de 30 (trinta) trabalhos.
5.2 Cabe ao estabelecimento de ensino selecionar os trabalhos que serão encaminhados à AMLAC.

6. A entrega dos trabalhos deverá obedecer aos seguintes critérios:

6.1 Os participantes dos Grupos A, B e C deverão entregar os envelopes na secretaria da escola que os encaminhará à AMLAC, com as seguintes anotações:

2ª. Edição do Concurso Literário da AMLAC
(A categoria e o pseudônimo)

6.2 Os participantes do grupo D deverão encaminhar os envelopes com as seguintes anotações, caso siga pelo Correio:

Academia Metropolitana de Letras, Artes e Ciências.
Avenida Benedito Storani, 470 – Bairro Barra Funda.
Vinhedo – SP – CEP. 13280-000
2ª. Edição do Concurso Literário da AMLAC
(Categoria e Pseudônimo)

6.2.1 No remetente colocar apenas o endereço do autor e seu pseudônimo.

6.3 Dentro do envelope maior, deverão constar as 03 (três) vias em papel, o CD e o envelope menor, conforme item 6.5.
6.4 O autor que participar de mais de uma categoria, poderá enviar os respectivos envelopes dentro de um terceiro maior, em uma única postagem.
6.5 Um envelope menor, lacrado, contendo as seguintes informações:

6.5.1 Na parte externa, além da nominação do concurso:
Título do texto, categoria, grupo e pseudônimo;
6.5.2 Dentro do envelope, deverá constar uma folha com as seguintes informações:
Título do texto, pseudônimo, nome e endereço completos, e-mail, telefones para contato, um pequeno currículo literário de no máximo cinco linhas, caso o tenha.
Os participantes dos grupos A, B e C também deverão informar o nome da escola, o ano escolar e turma que está cursando.

7. A postagem dos trabalhos deverá ser feita até o dia 20/09/2012, valendo a data do carimbo postal e a entrega diretamente na AMLAC até o dia 28/09/2012.

8. O não cumprimento integral do regulamento acarretará a exclusão automática e sem pré-aviso dos trabalhos enviados.

9. A comissão para a avaliação e seleção dos trabalhos será composta por acadêmicos da área de Letras da AMLAC.

9.1 Os critérios gerais de avaliação a serem considerados: criatividade, coerência e originalidade.

9.2 A comissão julgadora reserva-se o direito de publicar e premiar os os textos que julgar qualificados para tanto.

10. Não poderão participar do concurso membros da AMLAC.

11. Premiação:

11.1 Os três primeiros colocados receberão:

1º. Lugar: troféu AMLAC de Literatura, 10 (dez) livros da edição do 2º. Concurso Literário da AMLAC na qual o texto será publicado e outros prêmios;

2º. Lugar: medalha, 5 (cinco) livros da edição do 2º. Concurso Literário da AMLAC na qual o texto será publicado e outros prêmios;

3º. Lugar: medalha, 5 (cinco) livros da edição do 2º. Concurso Literário da AMLAC na qual o texto será publicado e outros prêmios;

11.2 As bibliotecas das escolas participantes receberão 5 (cinco) livros da edição do 2º. Concurso Literário da AMLAC.

11.3 As escolas que tiverem alunos participantes premiados em primeiro lugar, receberão o troféu AMLAC de Literatura.

11.4 Serão entregues diplomas a todos os demais participantes que tiverem trabalhos selecionados pela comissão julgadora.

11.5 Os outros prêmios serão definidos até a data do evento.

12. Os participantes premiados serão notificados quanto à decisão da comissão.

13. O evento de premiação ocorrerá no Teatro do Colégio de Vinhedo, localizado na Av. Benedito Storani, nº 470, no dia 28/11/2012.

14. Os textos não serão devolvidos após o concurso.

15. É de responsabilidade exclusiva do participante a observância e regularização de toda e qualquer questão relativa a direitos autorais sobre a obra inscrita.

16. Este edital atende ao disposto na Lei Federal 9.610 de 12/02/1998 sobre os direitos autorais.

17. Os autores das obras selecionadas automaticamente autorizam a publicação das mesmas na edição da antologia do concurso.

18. Os premiados concordam e permitem a divulgação de seu nome e imagem para a divulgação do concurso, sem qualquer ônus para os realizadores.

19. Os participantes declaram estar cientes e de acordo com este regulamento.

20. Os casos omissos serão resolvidos pela coordenação do 2º. Concurso Literário da AMLAC.

*

Fonte: Organizador

VIII Prêmio Maximiano Campos de Literatura

O Instituto Maximiano Campos – IMC é uma organização que presta relevantes serviços em favor da cultura literária e artística, contribuindo de forma significativa para a valorização da cultura no Estado de Pernambuco e no País. O Prêmio Maximiano Campos de Literatura chega à sua oitava edição como uma ferramenta de estímulo à prática literária, tanto para o público jovem como para o adulto. Este concurso de CONTOS é dirigido a pessoas que tenham, no mínimo, concluído o ensino médio.

1. Objetivo:

1.1. Estimular e premiar novos talentos a partir da criação de textos em língua portuguesa, no gênero literário conto.

2. Condições:

2.1. Poderão participar brasileiros natos ou estrangeiros naturalizados, que tenham concluído o ensino médio.
2.2. Poderão participar apenas autores inéditos ou que tenham até dois livros publicados individualmente (não serão consideradas as antologias).
2.3. Cada concorrente poderá participar com apenas um texto original, rigorosamente inédito, nunca antes publicado nem na imprensa, nem na forma de livro físico e/ou digital.
2.4. Os textos não poderão ser divulgados por quaisquer meios, total ou parcialmente, até a data da publicação, que será definida pelo IMC.
2.5. Os textos devem ser escritos em português e ter, no máximo, 8 (oito) mil caracteres, contando com os espaços (aproximadamente 2 páginas).

Siga @benfazeja
mantenha-se atualizado!

3. Inscrições:

3.1. As inscrições devem ser feitas até o dia 20 de setembro de 2012. Os interessados devem acessar a fan page da instituição na rede social Facebook, compartilhar, curtir e preencher o formulário com os dados pedidos de maneira correta.

3.2. O preenchimento incorreto do cadastro resultará na anulação da inscrição sem aviso prévio.

4. Seleção:

4.1. Independente do número total de inscritos, serão escolhidos 10 (dez) contos para publicação no livro de antologia do concurso, no entanto, apenas os três primeiros colocados serão premiados financeiramente.
4.2. A seleção será feita por uma comissão julgadora composta por uma Mestra em Língua Portuguesa e uma Professora Especialista em Literatura Brasileira com parecer final do escritor, advogado e presidente da instituição proponente do concurso.
4.3. O parecer da comissão julgadora é irrecorrível.
4.4. Qualquer outro processo/etapa de seleção incluso no concurso ou mudança no desenvolvimento do mesmo não poderá ser questionado.

5. Critérios:

5.1. Os textos serão analisados a partir dos seguintes critérios:
a. Correção gramatical;
b. Criatividade;
d. Singularidade.

6. Premiação:

6.1. Os contos classificados serão premiados da seguinte maneira:
1º Lugar R$ 4.000,00 (Quatro Mil Reais), 1 IPAD, 1 (um) kit IMC* e certificado;
2º Lugar R$ 3.000,00 (Três Mil Reais), 1 (um) kit IMC* e certificado;
3º Lugar R$ 2.000,00 (Dois Mil Reais), 1 (um) kit IMC* e certificado.
*O kit IMC será composto por obras de Maximiano Campos selecionadas pela coordenação do prêmio.

6.2. A premiação dos classificados restantes será dez (10) exemplares da obra que reúne os contos escolhidos pela comissão julgadora e será lançada pelo instituto durante a realização da FLIPORTO 2012, com data a ser definida pelo presidente do IMC.
6.3. A divulgação dos 10 selecionados será através do site do IMC até o dia 25 de outubro de 2012.

7. Publicação e direitos autorais:

7.1. Os candidatos assumem total responsabilidade pela autenticidade dos trabalhos inscritos.
7.2. A inscrição no concurso implica, automaticamente, na cessão plena dos direitos do autor ao IMC e à Editora Carpe Diem, ficando o IMC e a Editora Carpe Diem autorizados a reproduzir em qualquer lugar, tempo ou meio de comunicação, os textos concorrentes ou parte deles, com a devida identificação do seu autor.

Informações:

Leila Teixeira, coordenadora do concurso e gerente do IMC.
Contatos: (81) 3441-9080 ou premio@imcbr.org.br.

*

Fonte: Instituto Maximiano Campos

Edital ProAC nº 17/2012 – Livro de Artista



Livro de Artista, livro-objeto ou obra-livro não se restringe a forma convencional atribuída a um livro para leitura. É uma modalidade das artes visuais, um objeto artístico único ou um múltiplo; isto é uma série de objetos artísticos com tiragem definida e numerada de exemplares assinados pelo(s) autor(es), não necessariamente iguais. O trabalho poderá ser individual ou coletivo (dois ou mais artistas);

Mais informações e edital em documento Word

EDITAL Nº 17/2012 DO PROGRAMA DE AÇÃO CULTURAL

“CONCURSO DE APOIO A PROJETOS DE LIVRO DE ARTISTA NO ESTADO DE SÃO PAULO”

A SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA – SEC torna público o CONCURSO que fará realizar visando à seleção de projetos de LIVRO DE ARTISTA para apoio cultural, com observância na Lei Federal nº 8.666 de 21 de junho de 1993, Lei Federal nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998 (Lei de Direitos Autorais), no que couber, na Lei Estadual nº 6.544, de 22 de novembro de 1989, e alterações posteriores, Lei Estadual nº 12.268, de 20 de fevereiro de 2006, bem como toda a legislação complementar relacionada ao ProAC, e em conformidade com as condições e exigências estabelecidas neste Edital e seus anexos.

I. DO OBJETO

1. Seleção de 5 (cinco) projetos que contemplem produção de LIVRO DE ARTISTA, no Estado de São Paulo, com prêmio de R$ 30.000,00 (trinta mil reais) cada.

2. O valor máximo de apoio aos projetos selecionados neste Concurso será de R$ 150.000,00 (cento e cinquenta mil reais).

II. DAS DEFINIÇÕES

Para os efeitos deste Edital, entende-se que:

a) Livro de Artista, livro-objeto ou obra-livro não se restringe a forma convencional atribuída a um livro para leitura. É uma modalidade das artes visuais, um objeto artístico único ou um múltiplo; isto é uma série de objetos artísticos com tiragem definida e numerada de exemplares assinados pelo(s) autor(es), não necessariamente iguais. O trabalho poderá ser individual ou coletivo (dois ou mais artistas);
b) Artes visuais são manifestações artísticas contempladas em sua diversidade, tais como a pintura, a escultura, a gravura, a fotografia, a videoarte, a performance, a instalação, a arte em mídias eletrônicas e digitais e outras experiências artísticas; essas manifestações são consideradas obras de arte;
c) Proponente é a pessoa física, que venha a inscrever projeto neste Concurso, conforme as condições descritas no item IV – DAS CONDIÇÕES DE HABILITAÇÃO.

III. DA CONTRAPARTIDA

1. Os proponentes dos projetos selecionados neste Concurso deverão comprometer-se com a contrapartida consistente na entrega, para o acervo da Secretaria de Estado da Cultura de pelo menos 1 (um) exemplar, caso a tiragem seja até 10 exemplares; ou o menor número inteiro correspondente a 10% (dez por cento) da tiragem, caso a tiragem seja acima de 10 exemplares, e autorizar (i) utilização do material em equipamentos culturais do Estado, inclusive com permissão de empréstimo aos usuários desses equipamentos, (ii) doação de exemplares a entes da Administração Pública ou entidades privadas sem fins lucrativos, e (iii) outras que a Administração entender conveniente e oportuna..

2. O proponente deverá incluir em todo material de divulgação do projeto e da obra produzida (impresso, virtual e audiovisual), em qualquer momento e não apenas durante a vigência do contrato para produção do Livro de Artista, a logomarca da Secretaria de Estado da Cultura, a logomarca do Governo do Estado e a logomarca do ProAC, assim como a expressão descrita abaixo, que deverá igualmente ser proferida antes ou depois de todas eventuais atividades pertinentes do projeto apoiado (oralmente); e em divulgação no meio radiofônico (convencional e virtual), se houver:

“Projeto realizado com o apoio do Governo do Estado de São Paulo, Secretaria de Estado da Cultura – Programa de Ação Cultural – 2012”.

2.1. Caso não seja possível inserir as logomarcas e a expressão referida acima no(s) próprio(s) objetos artísticos, deverá ser produzida uma sobrecapa ou uma caixa em que sejam incluídas essas inserções.

Siga @benfazeja
mantenha-se atualizado!

IV. DAS CONDIÇÕES DE HABILITAÇÃO

1. Somente poderão habilitar-se para os fins deste concurso pessoas físicas residentes no Estado de São Paulo comprovadamente há mais de 02 (dois) anos.

2. Cada proponente poderá inscrever até 02 (dois) projetos, mas somente 01 (um) poderá ser premiado.

3. O proponente que tiver projeto(s) aprovado(s) no ProAC-ICMS poderá ter um projeto diferente contratado neste Concurso.

4. É vedada, neste Concurso, a participação de servidores pertencentes ao quadro da Secretaria de Estado da Cultura.

5. São vedadas as inscrições de projetos que tenham recebido ou que venham a receber recursos advindos de quaisquer tipos de convênios celebrados com o estado de São Paulo, inclusive repasses de emenda parlamentar; bem como de Contratos de Gestão de Organizações Sociais vinculadas a esta Secretaria.

V. DA INSCRIÇÃO E DA DOCUMENTAÇÃO

1. As inscrições poderão ser feitas:
1.1. Pessoalmente, mediante entrega de 02 (duas) cópias da Ficha de Inscrição (Anexo I); do ENVELOPE nº 1 – DOCUMENTAÇÃO (documentos exigidos no item 3) e do ENVELOPE nº 2 – PROJETO (documentos exigidos no item 5), lacrados e devidamente identificados no Núcleo de Protocolo e Expedição, da Secretaria de Estado da Cultura, situada na Rua Mauá, 51, Bairro Luz, São Paulo – SP; ou
1.2. Por via postal, com Aviso de Recebimento (A.R.) ou SEDEX com A.R., pelo encaminhamento aos cuidados do Núcleo de Protocolo e Expedição, da Secretaria de Estado da Cultura, situada na Rua Mauá, 51, Bairro Luz, São Paulo – SP, CEP: 01028-900; uma embalagem única (caixa, pacote ou envelope), tendo como remetente o proponente do projeto e como destinatário o “EDITAL Nº 17/2012 – CONCURSO DE APOIO A PROJETOS DE LIVRO DE ARTISTA NO ESTADO DE SÃO PAULO”; contendo em seu interior: 02 (duas) cópias da Ficha de Inscrição (Anexo I); ENVELOPE nº 1 – DOCUMENTAÇÃO (documentos exigidos no item 3) e ENVELOPE nº 2 – PROJETO (documentos exigidos no item 5), lacrados e devidamente identificados.

2. O prazo de inscrição vai do dia 13 de agosto de 2012 até o dia 26 de setembro de 2012, nos dias úteis, das 10 às 12 horas e das 13 às 17 horas. As inscrições enviadas por correio somente serão aceitas quando postadas regularmente dentro do mesmo prazo.

3. ENVELOPE nº 1 – DOCUMENTAÇÃO. Obrigatório constar por fora do envelope etiqueta conforme modelo abaixo e dentro do mesmo a documentação descrita a seguir, que deverá ser apresentada em 01 (uma) via montada com duas perfurações (modelo “arquivo”) e devidamente fixada com grampos ou similares:

EDITAL Nº 17/2012 – CONCURSO DE APOIO A PROJETOS DE LIVRO DE ARTISTA NO ESTADO DE SÃO PAULO
ENVELOPE nº 1 – DOCUMENTAÇÃO
Nome do projeto:……………………………………………………………………..
Nome do proponente:………………………………………………………………..

3.1. Pessoa Física:
a) Ficha de Inscrição (Anexo I);
b) Declarações devidamente assinadas (conforme Anexo II);
c) Cópia simples do documento de identidade (oficial) do proponente que contenha R.G. e foto [ou outro documento de identidade com força legal (carteira de trabalho, de motorista, de entidade oficial de classe, etc.)];
d) Cópia simples do CPF (válido) do proponente ou documento de identidade que contenha o número do CPF.

4. Nos casos de inscrição realizada por procurador do proponente, deverá ser apresentado, juntamente com os demais documentos integrantes do ENVELOPE nº 01, o respectivo instrumento de procuração com poderes bastante, bem como cópias da Carteira de Identidade e CPF do procurador.

5. ENVELOPE nº 2 – PROJETO. Obrigatório constar por fora do envelope etiqueta conforme modelo abaixo e dentro do mesmo 05 (cinco) vias do Projeto Técnico com idêntico conteúdo.
ATENÇÃO! Cada uma das 05 (cinco) vias deverá estar montada separadamente. Todas as folhas deverão conter duas perfurações (modelo “arquivo”) e juntamente com quaisquer outros materiais (CDs, DVDs, livros, folhetos, etc), que eventualmente o proponente venha a anexar, deverá formar um conjunto único devidamente fixado com grampos ou similares:

EDITAL Nº 17/2012 – CONCURSO DE APOIO A PROJETOS DE LIVRO DE ARTISTA NO ESTADO DE SÃO PAULO
ENVELOPE 2 – PROJETO
Nome do projeto: ……………………………………………………………………..
Nome do proponente: ………………………………………………………………..

5.1. Cada uma das 05 (cinco) vias do Projeto Técnico deverá conter:

a) Ficha de Inscrição (Anexo I);
b) Currículo do proponente (recomenda-se no máximo 02 laudas); será permitido anexar matérias de jornais e revistas, cartazes, folders etc., relativos às atividades desenvolvidas pelo proponente;
c) Currículo dos demais artistas envolvidos no projeto (recomenda-se no máximo 02 laudas cada), quando se tratar de um trabalho coletivo;
d) Quando se tratar de um trabalho coletivo, apresentar carta de apoio dos membros do grupo que indique o proponente como seu representante, comprovando o conhecimento coletivo da inscrição, com nome e assinatura dos integrantes do grupo;
e) Objetivo e justificativa do projeto, apresentados detalhadamente, incluindo público alvo (recomenda-se no máximo 02 laudas);
f) Especificações, esboço(s) do Livro de Artista a ser produzido na forma de texto explicativo, croquis, boneco e/ou outros;
g) Cronograma de trabalho que contemple as principais etapas e atividades para produção do Livro de Artista, conforme o prazo máximo previsto neste Edital;
h) No caso em que o projeto proposto contemplar qualquer forma de publicação de trabalho de terceiros, o proponente deverá comprovar a respectiva opção de cessão dos direitos autorais;
i) Orçamento detalhado discriminando as despesas necessárias para a realização do projeto. O projeto que apresentar orçamento maior do que o previsto neste Edital deverá especificar fontes complementares de recursos, e detalhar no orçamento quais itens serão custeados com orçamento deste Edital e quais itens serão custeados pelas outras fontes de recursos.
j) Caso receba outras formas de apoio após a inscrição, o proponente deverá informar a SEC e apresentar esclarecimentos no informativo de despesas do Relatório de Conclusão (ver letra “d”, subitem 4 do item X).

5.2. Poderão ser apresentadas informações adicionais, inclusive em formato digital (CD e/ou DVD). O material deverá ser enviado em 05 (vias) e ser devidamente fixado/preso em cada uma das vias do projeto.

VI. DO INDEFERIMENTO DA INSCRIÇÃO

1. Serão indeferidas as inscrições:
a) Postadas ou protocoladas após o período de inscrição definido neste Edital;
b) Que não apresentarem toda a documentação relacionada no item V, subitem ‘3.1’;
c) Que não atenderem aos termos do item IV – Das Condições de Habilitação.

2. Não será aceita qualquer complementação, modificação ou supressão de documentos indicados nos subitens ‘3.1’ e ‘5.1’, do item V, após o recebimento – no Protocolo ou pelo correio – do pedido de inscrição, exceto quanto ao disposto no item VIII, sub-itens ‘3.1’ e ‘8.2.1’.

3. Não serão aceitos documentos rasurados ou com prazo de validade vencido.

VII. DAS COMISSÕES

1. O Secretário de Estado da Cultura nomeará a Comissão de Análise da Documentação, formada por 05 (cinco) membros, com a atribuição de examinar e decidir sobre a adequação da documentação apresentada em face das exigências do Edital.

2. O Secretário de Estado da Cultura também nomeará, nos termos da Lei Estadual 12.268/2006, a Comissão de Seleção dos Projetos, que será formada por 05 (cinco) membros.

2.1. Não poderão integrar a Comissão de Seleção pessoas direta ou indiretamente ligadas aos projetos inscritos neste Concurso, bem como seus cônjuges ou parentes até o segundo grau.

3. O Secretário de Estado da Cultura designará entre os membros escolhidos o Presidente e o Vice-Presidente das Comissões acima mencionadas.

VIII. DO PROCEDIMENTO E DO JULGAMENTO

1. Os “ENVELOPEs nº 2 – PROJETO” serão abertos pela Comissão de Análise da Documentação em sessão pública a ser realizada em data previamente divulgada no Diário Oficial do Estado de São Paulo – DOE.

2. O material constante do “ENVELOPE nº 2 – PROJETO” será encaminhado à Comissão de Seleção, que, no prazo máximo de 25 (vinte e cinco) dias corridos do recebimento dos projetos, selecionará os 5 (cinco) melhores projetos, considerando o disposto no item I, bem como os seguintes critérios:

a) Excelência artística e criatividade do projeto;
b) Qualificação do proponente e demais artistas, quando houver, envolvidos no projeto;
c) Diversidade temática e estética;
d) Interesse público e compatibilidade orçamentária;
e) Viabilidade de realização do projeto.

3. A Comissão de Seleção tem autonomia na análise técnica e decisão de seleção quanto ao projeto apresentado (item V, subitem 5.1), inclusive para desclassificar projetos que não atendam requisitos mínimos exigidos.

3.1 Durante o processo de avaliação das propostas a Comissão de Seleção poderá solicitar, através dos canais de comunicação oficiais da SEC, esclarecimentos, por parte do proponente, que porventura sejam necessários para melhor avaliação do projeto.

4. O resultado da seleção dos projetos, efetivado pela Comissão de Seleção, será consignado em Ata e publicado no DOE indicando os nomes dos proponentes, os títulos dos projetos e o valor do prêmio de apoio a ser contratado conforme item I, subitem 1.

5. Da deliberação de seleção e escolha dos projetos, pela Comissão de Seleção, caberá recurso no prazo de 05 (cinco) dias úteis, a contar da publicação da Ata no DOE. Serão aceitos os recursos protocolados na sede da Secretaria de Estado da Cultura – Núcleo de Protocolo e Expedição – nos dias úteis, das 10 às 12 horas e das 13 às 17 horas; ou enviados por via postal, cujas postagens, devidamente comprovadas, estejam dentro desse prazo legal.

5.1. O recurso deverá ser dirigido à Comissão de Seleção, a qual se pronunciará no prazo de até 05 (cinco) dias úteis no sentido de reconsiderar ou manter a decisão recorrida.

5.2. Compete ao Coordenador da UFDPC decidir definitivamente o recurso no prazo de até 05 (cinco) dias úteis, cuja fluência poderá ser suspensa para colher pareceres técnicos e/ou jurídicos que sejam necessários à fundamentação da sua decisão.

6. A Comissão de Seleção indicará para contratação, além dos 5 (cinco) projetos selecionados, também um total de 5 (cinco) projetos em ordem de classificação, considerados “suplentes”.

7. Os projetos considerados “suplentes” serão contratados na hipótese prevista no subitem ‘3’ do item IX ou na hipótese do proponente premiado não comparecer para assinar o contrato ou se recusar a fazê-lo.

8. Somente serão abertos os “ENVELOPEs nº 1 – DOCUMENTAÇÃO” dos projetos selecionados e dos projetos considerados “suplentes”. Os envelopes serão abertos pela Comissão de Análise da Documentação em sessão pública a ser realizada em data previamente divulgada no DOE.

8.1. Os “ENVELOPEs nº 1 – DOCUMENTAÇÃO” serão analisados pela Comissão de Análise da Documentação. O resultado da análise, indicando os proponentes habilitados e inabilitados com a devida motivação da inabilitação, será formalizado em Ata publicada no DOE.

8.2. Das deliberações de habilitação ou inabilitação de cada proponente, pela Comissão de Análise da Documentação, caberá recurso no prazo de 05 (cinco) dias úteis, a contar da publicação da Ata no DOE. Serão aceitos os recursos protocolados na sede da Secretaria de Estado da Cultura – Núcleo de Protocolo e Expedição – nos dias úteis, das 10 às 12 horas e das 13 às 17 horas; ou enviados por via postal, cujas postagens, devidamente comprovadas, estejam dentro deste prazo legal.

8.2.1. Para os efeitos do disposto no subitem ‘8.2’, admitir-se-á o saneamento de falhas, desde que, a critério da Comissão de Análise da Documentação, os elementos faltantes possam ser apresentados no prazo máximo de 05 (cinco) dias úteis, sob pena de inabilitação do proponente.

8.3. O recurso deverá ser dirigido à Comissão de Análise da Documentação, a qual se pronunciará no prazo de até 05 (cinco) dias úteis no sentido de reconsiderar ou manter a decisão recorrida.

8.4. Compete ao Coordenador da UFDPC decidir definitivamente o recurso no prazo de até 05 (cinco) dias úteis, cuja fluência poderá ser suspensa para colher pareceres técnicos e/ou jurídicos que sejam necessários à fundamentação da sua decisão.

9. Realizados todos os ritos e prazos previstos nos itens anteriores, caberá ao Secretário de Estado da Cultura a homologação do resultado definitivo do Concurso. O comunicado do resultado final do Concurso será divulgado no DOE.

IX. DA CONTRATAÇÃO

1. A Secretaria de Estado da Cultura comunicará os proponentes habilitados que tiverem seu projeto selecionado para contratação nos termos e valores determinados neste Edital por meio de publicação de COMUNICADO DE RESULTADO FINAL no Diário Oficial do Estado de São Paulo – DOE.

2. O proponente deverá apresentar à Secretaria de Estado da Cultura, como condição para efetivar o contrato, a documentação constante do item 2.1. abaixo:

2.1. Documentação para contratação – Pessoa Física:

a) Cópia simples do documento de identidade (oficial) do proponente que contenha R.G. e foto [ou outro documento de identidade com força legal (carteira de trabalho, de motorista, de entidade oficial de classe, etc.)];
b) Cópia simples do CPF (válido) do proponente ou documento de identidade que contenha o número do CPF;
c) Cópia simples de comprovantes de endereço (IPTU, extrato bancário, contas de água, luz, gás ou telefone fixo) no Estado de São Paulo há mais de 02 (dois) anos, sendo um comprovante do endereço atual e outro de pelo menos 02 (dois) anos atrás;
d) Indicação de “conta-corrente movimento” aberta no Banco do Brasil (conforme Decreto Estadual nº 55.357/2010) para depósito e movimentação exclusivos dos recursos financeiros transferidos por esta Secretaria, para os fins deste Edital;
e) Declaração do proponente afirmando não ter o mesmo projeto em desenvolvimento no programa de incentivo fiscal do ICMS (ProAC – ICMS)
f) Certidão de Regularidade do FGTS-CRF e Certidão Negativa de Débitos Relativos às Contribuições Previdenciárias e às de Terceiros ou declaração de que não possui inscrição no Cadastro Específico do INSS-CEI;
g) Certidão Negativa de Débitos de Tributos do Estado de São Paulo;
h) Certidão Negativa de Débitos de Tributos Federais;
i) Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas.

2.2. A documentação acima referida (item IX, subitem 2.1) deverá ser entregue no prazo máximo de 20 (vinte) dias corridos contados da data da comunicação publicada no DOE.

3. O proponente que não apresentar a documentação no prazo estipulado no subitem anterior ou apresentá-la com alguma irregularidade perderá, automaticamente, o direito à contratação, sendo convocado suplente.

4. Não serão aceitos protocolos da documentação, nem documentos com prazo de validade vencido.

5. As certidões de regularidade fiscal, trabalhista e previdenciária, quando for o caso, conterão a informação de negativa de débito ou positiva de débito com efeito de negativa.

6. Constitui ainda condição para a celebração do contrato, a inexistência de registros em nome do proponente no “Cadastro Informativo dos Créditos não Quitados de Órgãos e Entidades Estaduais do Estado de São Paulo – CADIN ESTADUAL” e no site de Sanções Administrativas (www.sancoes.sp.gov.br), os quais deverão ser consultados por ocasião da respectiva celebração.

7. Verificada a regularidade da documentação apresentada, será celebrado o contrato para realização de projeto de LIVRO DE ARTISTA.

X. DO PAGAMENTO

1. Os valores do apoio serão depositados pela Secretaria de Estado da Cultura na “conta-corrente movimento”, em instituição bancária a ser definida por esta Secretaria, nas seguintes condições:

a) 1ª parcela: 70% (setenta por cento) após assinatura do contrato com o proponente, no exercício de 2012, no montante de R$ 21.000,00 (vinte e um mil reais);

b) 2ª parcela: 30% (trinta por cento) após a comprovação da conclusão do objeto deste Edital, no montante de R$ 9.000,00 (nove mil reais).

2. A efetivação do pagamento dos valores acima estará condicionada à consulta, a critério da Administração, do CADIN, certidões e outros documentos.

3. O pagamento da segunda parcela ocorrerá somente no ano de 2013, desde que cumpridas as exigências do item abaixo, sem prejuízo das condições específicas previstas em contrato (conforme Anexo III).

4. Para os fins do pagamento da segunda parcela, o contratado deverá apresentar o Relatório de Conclusão do projeto à Secretaria de Estado da Cultura, que, após conferi-lo, emitirá atestado comprovando a execução da proposta de acordo com os termos do contrato. Juntamente com o Relatório de Conclusão do projeto faz-se necessário fornecer:

a) O(s) exemplare(s) do Livro de Artista conforme previsto no item III – DA CONTRAPARTIDA;
b) Autorização de (i) utilização do material em equipamentos culturais do Estado, inclusive com permissão de empréstimo aos usuários desses equipamentos, (ii) doação de exemplares a entes da Administração Pública ou entidades privadas sem fins lucrativos, e (iii) outras que a Administração entender conveniente e oportuna;
c) Registro documental da realização do projeto, tais como fotos, material de imprensa, folders, etc.;
d) Informativo de despesas detalhando os gastos efetuados na execução do projeto com o prêmio recebido.

5. Não será necessária a juntada das notas e/ou recibos no Relatório de Conclusão, os quais deverão ser guardados por um período de 05 (cinco) anos para fins de possíveis auditorias.

XI. DO PRAZO DE EXECUÇÃO

1. O prazo para a execução do projeto será de até 08 (oito) meses após o recebimento da primeira parcela contratual.

2. Por solicitação justificada do proponente em até 20 (vinte) dias corridos antes do término do prazo de execução, a critério da SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA, poderá o prazo de execução do objeto ser prorrogado por um período de 90 (noventa) dias corridos.

XII. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

1. A inscrição do proponente implica na prévia e integral concordância com as normas deste Edital.

2. Os documentos e demais materiais de inscrição dos projetos que não forem selecionados serão inutilizados.

3. São de exclusiva responsabilidade do proponente os compromissos e encargos de natureza trabalhista, previdenciária, fiscal, comercial, bancária, intelectual (direito autoral, inclusive os conexos, e propriedade industrial), bem como quaisquer outros resultantes da contratação objetivada neste Edital, ficando a Secretaria de Estado da Cultura excluída de qualquer responsabilidade dessa índole.

4. O projeto deve ser realizado atendendo às características definidas por ocasião da inscrição.

5. O descumprimento das obrigações contratuais pelo contratado poderá acarretar a declaração de inidoneidade para licitar ou contratar com a Administração Pública enquanto perdurarem os motivos determinantes da punição ou, no mínimo, pelo prazo de 02 (dois) anos. A reabilitação perante o órgão que aplicou a penalidade ficará condicionada, ainda, ao ressarcimento dos prejuízos e dos danos sofridos pela Administração.

6. O descumprimento parcial ou total do contrato obrigará o contratado à devolução dos valores já disponibilizados pela Secretaria de Estado da Cultura, bem como, ao pagamento dos acréscimos legais (juros, correção monetária e multa).

7. Caso o proponente tenha mais de 01 (um) projeto selecionado nos Editais do ProAC 2012, deverá optar por apenas 01 (uma) das premiações mediante comunicação formal à UFDPC.

8. Em caso de comprovação de inveracidade das informações prestadas, a Secretaria de Estado da Cultura poderá em qualquer momento excluir o proponente do processo seletivo, assim como anular o contrato eventualmente firmado, cabendo ao proponente faltoso a devolução dos valores recebidos, além do pagamento dos acréscimos legais (juros, correção monetária e multa).

9. Eventuais esclarecimentos referentes a este Concurso serão prestados na Secretaria de Estado da Cultura, por meio da UFDPC, na Rua Mauá, 51 – 2º andar – sala 205, em dias úteis, pelos telefones: 11 2627-8275 e 11 2627-8226 no horário de 10 às 17 horas.

10. Integram o presente Edital:
Anexo I – Modelo de Ficha de Inscrição;
Anexo II – Modelo das Declarações;
Anexo III – Minuta de Contrato Pessoa Física;

11. Os casos omissos relativos ao presente Edital serão resolvidos pelo Coordenador da Unidade de Fomento e Difusão de Produção Cultural – UFDPC, com anuência do Secretário da Cultura.

__________________________________________________
MARIA THEREZA BOSI DE MAGALHÃES
Coordenadora da Unidade de Fomento e Difusão de Produção Cultural – UFDPC

AVISO

CONCURSO
SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA
UNIDADE DE FOMENTO E DIFUSÃO DE PRODUÇÃO CULTURAL – UFDPC
PROGRAMA DE AÇÃO CULTURAL – PROAC Nº 17/2012

A SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA torna público que fará realizar licitação na modalidade CONCURSO, visando a seleção de projetos de LIVRO DE ARTISTA para apoio cultural.

OBJETO: Seleção de 5 (cinco) projetos que contemplem produção de LIVRO DE ARTISTA, no Estado de São Paulo, com prêmio de R$ 30.000,00 (trinta mil reais) cada.

O VALOR MÁXIMO de apoio aos projetos selecionados neste CONCURSO será de
R$ 150.000,00 (cento e cinquenta mil reais).

RETIRADA DO EDITAL: A íntegra do Edital e todas as informações sobre a licitação estão disponíveis no site www.cultura.sp.gov.br ou poderão ser retiradas na Secretaria de Estado da Cultura – 2º andar, sala 205 – Rua Mauá nº 51, Bairro Luz, São Paulo – SP, CEP 01028-900.

DATA DA INSCRIÇÃO DOS PROJETOS: A inscrição será efetuada do dia 13 de agosto de 2012 até o dia 26 de setembro de 2012, nos dias úteis, das 10 às 12 horas e das 13 às 17 horas.

ENDEREÇO PARA A ENTREGA DOS PROJETOS: Deverão ser entregues diretamente na Secretaria de Estado da Cultura, NÚCLEO DE PROTOCOLO E EXPEDIÇÃO, Rua Mauá nº 51, Bairro Luz, São Paulo – SP, CEP 01028-900; ou, encaminhados por meio dos serviços de postagem de correspondência da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos – ECT, nas modalidades correspondência com Aviso de Recebimento (A.R.) ou SEDEX com Aviso de Recebimento (A.R.), para endereço acima indicado.

PREVISÃO PARA A DIVULGAÇÃO DO RESULTADO FINAL: dezembro de 2012.

REGULAMENTAÇÃO: A presente licitação, sob a modalidade de CONCURSO e o CONTRATO, regular se ão por seu Edital, Lei Federal nº 8.666 de 21 de junho de 1993, Lei Federal nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998 (Lei de Direitos Autorais), no que couber, na Lei Estadual nº 6.544, de 22 de novembro de 1989, e alterações posteriores, Lei Estadual nº 12.268, de 20 de fevereiro de 2006, bem como toda a legislação complementar relacionada ao ProAC e demais normas regulamentares aplicáveis à espécie.

__________________________________
MARIA THEREZA BOSI DE MAGALHÃES
Coordenadora da Unidade de Fomento e Difusão de Produção Cultural – UFDPC

ANEXO I
FICHA DE INSCRIÇÃO – Pessoa Física
[ATENÇÃO! a inscrição requer 8 (oito) cópias deste anexo – ver item V. DA INSCRIÇÃO E DA DOCUMENTAÇÃO]

PROTOCOLO Nº (preenchimento pela Secretaria da Cultura): ………………………..

Eu,………………………………………………………………………………………………., RG nº ………………………, CPF nº……………………………, dirijo-me à Secretaria de Estado da Cultura para requerer inscrição da proposta abaixo descrita, no Processo de Seleção para o Edital ProAC Nº 17/2012 – CONCURSO DE APOIO A PROJETOS DE LIVRO DE ARTISTA NO ESTADO DE SÃO PAULO, de acordo com as normas previstas em seu Edital.

PROPONENTE:……………………………………………………………….

NOME DO PROJETO:………………………………………………………..

DADOS DO PROPONENTE
NOME:
ENDEREÇO:
NÚMERO: COMPLEMENTO:
BAIRRO:
CEP: MUNICÍPIO: UF:
DDD TELEFONE:
FAX:
CORREIO ELETRÔNICO DO PROPONENTE:

Local e data:…………………………….

Assinatura:…………………………………………………………….

ANEXO II
DECLARAÇÕES – Pessoa Física

Obs.: Preencher contendo na mesma folha as declarações com os itens de nº.s 1 a 7.

Eu, ………………………………………………………………., RG nº …………………, CPF nº……………………………………., residente à Rua ……………….., bairro……………………………………….., CEP……………….., município de ………………………………………………………………….., proponente do projeto denominado…………………………………………………………………. venho declarar que:

1. O projeto apresentado para este Concurso não foi realizado anteriormente;
2. Não tenho impedimento legal para contratar com a Administração, inclusive em virtude da Lei Estadual nº 10.218, de 12 de fevereiro de 1999;
3. Sou residente no Estado de São Paulo há mais de 02 (dois) anos;
4. Tenho ciência e concordo com os termos do Edital ProAC 17/2012 – CONCURSO DE APOIO A PROJETOS DE LIVRO DE ARTISTA NO ESTADO DE SÃO PAULO;
5. O projeto apresentado para este Concurso atende às definições previstas no item II do Edital ProAC 17/2012;
6. Será realizada a contrapartida prevista no item III do Edital ProAC 17/2012;
7. Não me encontro inadimplente perante a Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo.

Localidade, …….. de ……………………….. de 2012.

………………………………………………………………………………………
(Nome e assinatura)

(ANEXO III)
MODELO DE CONTRATO – PESSOA FÍSICA

CONTRATO Nº _____ / 2012
PROCESSO N°

CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM, O ESTADO DE SÃO PAULO, ATRAVÉS DE SUA SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA E (A PESSOA FÍSICA) ……………………….., TENDO POR OBJETIVO A REALIZAÇÃO DO PROJETO “…………………….” RELATIVO AO EDITAL DE APOIO À PROJETOS DE LIVRO DE ARTISTA NO ESTADO DE SÃO PAULO.

Aos ………. dias do mês de …………. do ano de dois mil e doze, na sede da Secretaria de Estado da Cultura, na Rua Mauá, 51 – Luz – São Paulo, CNPJ nº 51.531.051/0001-80, compareceram as partes interessadas, a saber, de um lado como CONTRATANTE o Estado de São Paulo, por sua Secretaria de Estado da Cultura, neste ato representada por sua Coordenadora da Unidade de Fomento e Difusão de Produção Cultural, MARIA THEREZA BOSI DE MAGALHÃES, RG. nº X.XXX.XXX-X e de outro lado a (pessoa física) Sr.(a)………………………………….., RG. nº……………………………e CPF nº…………………………., residente ……………………………., nesta Capital, doravante denominado(a) CONTRATADO e pelos mesmos foi dito que em face do concurso realizado para premiação de projetos de LIVRO DE ARTISTA NO ESTADO DE SÃO PAULO, no qual o CONTRATADO sagrou-se vencedor, resolveram celebrar o presente contrato que será regido pelas normas da Lei Federal nº 8.666 de 21 de junho de 1993, Lei Federal nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998 (Lei de Direitos Autorais), no que couber, na Lei Estadual nº 6.544, de 22 de novembro de 1989, e alterações posteriores, Lei Estadual nº 12.268, de 20 de fevereiro de 2006, bem como toda a legislação complementar relacionada ao ProAC, assim como pelas demais normas legais e regulamentares pertinentes a espécie inclusive pela Resolução SC-16/91, e às seguintes cláusulas e condições que reciprocamente outorgam e aceitam:

CLÁUSULA PRIMEIRA: DO OBJETO
O presente contrato tem por objeto o desenvolvimento do projeto de LIVRO DE ARTISTA no estado de São Paulo, intitulado _________________________, doravante denominado simplesmente PROJETO.

CLÁUSULA SEGUNDA: DO VALOR DO CONTRATO E DOS RECURSOS
O valor total do presente contrato é de R$…….. (……………….), sendo R$…………(…………………) referente ao exercício de 2012 e R$…….. (……………….) referente ao exercício de 2013. No presente exercício o valor onerará o subelemento econômico nº…………………….., devendo o restante onerar recursos orçamentários futuros, se efetivamente consignados valores a esse título.

CLÁUSULA TERCEIRA: DOS PRAZOS DE VIGÊNCIA E DE EXECUÇÃO DO CONTRATO
O prazo de vigência do presente contrato é de 10 (dez) meses, a contar da data da sua assinatura, podendo ser prorrogado, no caso de ampliação do prazo de execução do objeto contratado, no interesse da Administração.
PARÁGRAFO PRIMEIRO – O prazo de execução do objeto do contrato será de até 08 (oito) meses a contar da data do recebimento da primeira parcela – do valor contratado – prevista no inciso I da Cláusula Sexta deste instrumento.

PARÁGRAFO SEGUNDO – O prazo previsto no parágrafo anterior poderá ser prorrogado por um período de 90 (noventa) dias, caso o contratado solicite, justificadamente, em até 20 (vinte) dias da sua expiração, e haja a concordância expressa da Administração.

CLÁUSULA QUARTA: DAS OBRIGAÇÕES E RESPONSABILIDADES DO CONTRATADO
I. Caberá ao CONTRATADO:
1. Executar o projeto consoante o previsto no Edital do Concurso.
2. Apresentar o Relatório de Conclusão do projeto e nele anexar:

a) O(s) exemplare(s) do Livro de Artista conforme previsto no item III – DA CONTRAPARTIDA;
b) Autorização de (i) utilização do material em equipamentos culturais do Estado, inclusive com permissão de empréstimo aos usuários desses equipamentos, (ii) doação de exemplares a entes da Administração Pública ou entidades privadas sem fins lucrativos, e (iii) outras que a Administração entender conveniente e oportuna;
c) Registro documental da realização do projeto, tais como fotos, material de imprensa, folders, etc.;
d) Informativo de despesas detalhando os gastos efetuados na execução do projeto com o prêmio recebido.

3. O proponente deverá incluir em todo material de divulgação do projeto e da obra produzida (impresso, virtual e audiovisual), em qualquer momento e não apenas durante a vigência do contrato para produção do Livro de Artista, a logomarca da Secretaria de Estado da Cultura, a logomarca do Governo do Estado e a logomarca do ProAC, assim como a expressão descrita abaixo, que deverá igualmente ser proferida antes ou depois de todas eventuais atividades pertinentes do projeto apoiado (oralmente); e em divulgação no meio radiofônico (convencional e virtual), se houver:

“Projeto realizado com o apoio do Governo do Estado de São Paulo, Secretaria de Estado da Cultura – Programa de Ação Cultural – 2012”.

3.1. Caso não seja possível inserir as logomarcas e a expressão referida acima no(s) próprio(s) objetos artísticos, deverá ser produzida uma sobrecapa ou uma caixa em que sejam incluídas essas inserções.

4. Responsabilizar-se pelos compromissos e encargos de natureza trabalhista, previdenciária, fiscal, comercial, bancária, intelectual (direito autoral, inclusive os conexos, e de propriedade industrial), bem como quaisquer outros resultantes desta contratação.

5. Manter, durante toda a execução do contrato, as condições exigidas para a habilitação e para a contratação.

6. Havendo saldo remanescente de recursos, o CONTRATADO deverá solicitar ao CONTRATANTE o recolhimento dos valores para o Fundo Especial de Despesa.

CLÁUSULA QUINTA: DAS OBRIGAÇÕES DO CONTRATANTE
Para a execução do objeto do presente contrato, o CONTRATANTE obriga-se a:
1. Indicar formalmente o gestor e/ou fiscal para acompanhamento da execução deste contrato.
2. Efetuar os pagamentos devidos, de acordo com o estabelecido neste contrato.
3. Fiscalizar e acompanhar a execução e o cumprimento das obrigações assumidas pelo CONTRATADO, o que inclui a comprovação da realização do projeto de LIVRO DE ARTISTA NO ESTADO DE SÃO PAULO, inclusive para efeito de liberação das parcelas.
CLÁUSULA SEXTA: DOS PAGAMENTOS
Os pagamentos serão efetuados em 02 (duas) parcelas e na seguinte forma:
I – 1ª parcela: 70% (setenta por cento) após assinatura do contrato com o proponente, no exercício de 2012;
II – 2ª parcela: 30% (trinta por cento) após a comprovação da entrega do projeto, mediante atestado expedido pelo servidor responsável da Secretaria da Cultura, nos termos da Cláusula Sétima.

PARÁGRAFO PRIMEIRO – O pagamento da segunda parcela ocorrerá somente no ano de 2013, desde que cumpridas as exigências do item X, subitem 3 do Edital.
PARÁGRAFO SEGUNDO – Os pagamentos serão efetuados mediante crédito em conta corrente no Banco do Brasil (conforme Decreto Estadual nº 55.357/2010), especialmente aberta para este fim.

PARÁGRAFO TERCEIRO – Constitui ainda condição para realização de cada pagamento, a inexistência de registros em nome do CONTRATADO no “Cadastro Informativo dos Créditos não Quitados de Órgãos e Entidades Estaduais do Estado de São Paulo – CADIN ESTADUAL” e no site de Sanções Administrativas (www.sancoes.sp.gov.br), os quais deverão ser consultados por ocasião da respectiva celebração.

CLÁUSULA SÉTIMA: DAS CONDIÇÕES DE RECEBIMENTO DO OBJETO
O objeto deste contrato será dado como realizado definitivamente em até 10 (dez) dias corridos, contados da data da recepção pelo CONTRATANTE do atestado expedido pelo servidor responsável da Secretaria de Estado da Cultura, de acordo com o estabelecido no inciso II da Cláusula Sexta, uma vez verificada a execução do objeto.

CLÁUSULA OITAVA: DA SUBCONTRATAÇÃO, CESSÃO OU TRANSFERÊNCIA DOS DIREITOS E OBRIGAÇÕES CONTRATUAIS
É vedada a subcontratação, cessão ou transferência total ou parcial do objeto deste contrato.

CLÁUSULA NONA: DAS SANÇÕES PARA O CASO DE INADIMPLEMENTO
Se o CONTRATADO inadimplir as obrigações assumidas, no todo ou em parte, ficará sujeito às sanções previstas nos artigos 86 e 87 da Lei Federal nº 8.666/93, artigos 80 e 81 da Lei Estadual nº 6.544/89, de acordo com o estipulado na Resolução SC 09/91 publicada no DOE de 16/03/1991, no que couber.

PARÁGRAFO PRIMEIRO – Na hipótese de inexecução parcial ou total do contrato e atraso superior ao prazo de execução do objeto do contrato – conforme previsto na Cláusula Terceira deste Contrato –, o CONTRATADO ficará obrigado a devolver os recursos recebidos para execução do contrato, acrescidos de juros, correção monetária e demais sanções pecuniárias.

PARÁGRAFO SEGUNDO – Se o CONTRATADO descumprir as obrigações que lhe são atribuídas será declarado inidôneo para licitar ou contratar com a Administração Pública enquanto perdurarem os motivos determinantes da punição ou, no mínimo, pelo prazo de 02 (dois) anos. A reabilitação perante o órgão que aplicou a penalidade ficará condicionada, ainda, ao ressarcimento dos prejuízos e danos sofridos pela Administração.

PARÁGRAFO TERCEIRO – DAS HIPÓTESES DE INADIMPLÊNCIA
O CONTRATADO será considerado inadimplente especialmente quando:
I – utilizar os recursos, inadequadamente, em finalidade diversa do PROJETO;
II – não apresentar, no prazo e na forma previstos nas Resoluções pertinentes, a prestação de contas devida e o relatório de conclusão do projeto, tal como previsto na CLÁUSULA QUARTA deste contrato;
III – não concluir o PROJETO previsto na proposta aprovada;
IV – não apresentar o produto resultante do PROJETO;
V – não divulgar o apoio institucional do Governo do Estado de São Paulo – Programa de Ação Cultural da Secretaria da Cultura e de seus símbolos, durante a execução do PROJETO.

PARÁGRAFO QUARTO – Se o contratado inadimplir as obrigações assumidas, no todo ou em parte, ficará sujeito ainda à adoção das seguintes providências:
I – informação da inadimplência à Secretaria da Fazenda, para inscrição do CONTRATADO no CADIN estadual;
II – arquivamento de outras propostas de recebimento de recursos por meio da Lei Estadual nº 12.268/2006.

CLÁUSULA DÉCIMA: DA RESCISÃO E RECONHECIMENTO DOS DIREITOS DO CONTRATANTE
O contrato poderá ser rescindido, na forma, com as conseqüências e pelos motivos previstos nos artigos 75 a 82 da Lei Estadual nº 6.544/89 e artigos 77 a 80 e 86 a 88, da Lei Federal nº 8.666/93.

PARÁGRAFO ÚNICO – O CONTRATADO reconhece, desde já, os direitos do CONTRATANTE nos casos de rescisão administrativa, prevista no Artigo 79 da Lei Federal nº 8.666/93, e no artigo 77 da Lei Estadual nº 6.544/89.
CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA: DAS DISPOSIÇÕES FINAIS
Fica ajustado ainda que:
I – Consideram-se partes integrantes do presente contrato, como se nele estivessem aqui transcritos:
Anexo I – cópia do Edital do concurso;
Anexo II – ficha de inscrição;
Anexo III – cópia do projeto premiado e ficha técnica;
Anexo IV – cópia da Resolução 09/91.

II – Para dirimir quaisquer questões decorrentes deste contrato e não resolvidas na esfera administrativa, será competente o foro da Comarca da Capital do Estado de São Paulo.

E, assim, por estarem as partes justas e contratadas, foi lavrado o presente instrumento em 03 (três) vias de igual teor e forma que lido e achado conforme, vai assinado pelas partes para que produza todos os efeitos de direito.

___________________________________________________
MARIA THEREZA BOSI DE MAGALHÃES
Coordenadora da Unidade de Fomento e
Difusão de Produção Cultural – UFDPC

_____________________________________________________
CONTRATADO

*

Fonte: Organizador

Concurso de Contos 2012 – Sesc AM

1. APRESENTAÇÃO
O presente concurso de contos é promovido pelo SESC Departamento Regional do Amazonas, e destina-se a pessoas com idade igual ou superior a 16 anos, tendo como objetivo incentivar a criação de textos, escritos em língua portuguesa, na categoria literária CONTO.

2. TEMA
Livre
Os trabalhos enviados não poderão ter conteúdo:
a) Que possam causar danos a terceiros, seja através de difamação, injúria ou calúnia, danos materiais ou morais;
b) Que seja obsceno ou pornográfico;
c) Que constitua em ofensa à liberdade de crença ou religião;
d) Que contenha dado ou informação racista ou discriminatória
e) Que tenha sido produzido por terceiros.

Siga @benfazeja
mantenha-se atualizado!

3. SOBRE AS INSCRIÇÕES:
3.1 As inscrições deverão ser efetuadas a partir do dia 9 de julho a 28 de setembro de 2012.
3.2 Cada concorrente poderá participar com até 2 (DOIS) trabalhos.
3.3 O texto deverá ser inédito, ou seja, nunca ter sido publicado por meio impresso ou eletrônico.
3.4 O autor não poderá ter nenhum trabalho publicado. Entende-se por publicação o processo de edição de uma obra literária e sua distribuição em livrarias.
3.5 É vetada a participação de autores selecionados nas edições anteriores deste Concurso. Assim como de funcionários do SESC e parentes em até 2ºgrau.
3.6 Os originais devem ser enviados em 2 (DUAS) vias e uma cópia em CD, sem ilustrações. As duas vias deverão ser digitadas em espaço duplo e impresso em papel A4, em apenas 1 face, obedecendo a seguinte formatação: fonte Times New Roman, tamanho 12, estilo normal justificado, na cor preta, espaço entre linhas duplo, margens 2,5.
3.7 Aobra enviada deverá ter entre 5 e 6 páginas, no máximo.
3.8 O trabalho deverá ser entregue em envelope lacrado contendo as duas vias e uma cópia em CD, com folha de rosto onde deverá constar: Título da obra e o pseudônimo do autor.3.9 Este envelope, deverá conter um outro lacrado, com os seguintes dados do autor:
 Nome
 Pseudônimo
 Data de nascimento
 Título da obra
 Identidade e CPF
 Endereço completo
 Telefone de contato e E-mail
 Currículo resumido

3.10 A inscrição no Concurso é válida somente em território nacional.

4. JULGAMENTO

4.1 As obras inscritas serão analisadas por comissão julgadora composta por escritores e especialistas em literatura.
4.2 Os critérios de avaliação utilizados nas diversas etapas da seleção deverão
considerar:
 Criatividade
 Originalidade
 Competência evidenciada no domínio da Língua Portuguesa

5. PREMIAÇÃO
5.1 A divulgação do resultado do concurso, indicando os 15 (quinze) contos finalistas e seus respectivos autores, será feita através de e-mail individual ou por telefone.
5.2 A divulgação dos três primeiros colocados, bem como a entrega dos prêmios ocorrerá em cerimônia previamente indicada.
5.3 Em caso de fraude comprovada, o finalista será excluído automaticamente do concurso.
5.4 Os prêmios são pessoais e intransferíveis.
5.5 Os participantes concordam em autorizar, por tempo indeterminado, que o SESC possa fazer uso de seus nomes e imagens, em mídias impressas ou eletrônicas para a divulgação, sem nenhum ônus para a instituição organizadora do concurso.

6. PRÊMIOS
6.1 Serão atribuídos prêmios aos 3 (três) melhores contos.
6.2 Os 15 primeiros colocados participarão automaticamente de uma antologia literária e diploma de participação;
6.3 O primeiro colocado receberá 20(vinte) exemplares da antologia, certificado de participação contendo a classificação e Notebook.
6.4 O segundo colocado receberá 20(vinte) exemplares da antologia, certificado de participação contendo a classificação e IPOD.
6.5 O terceiro colocado receberá 20(vinte) exemplares da antologia, certificado de participação contendo a classificação e kit contendo: cem melhores contos de todos os tempos; os cem melhores contos fantásticos.
7. Informações: SESC Biblioteca – Centro de Atividades 1° Andar – Rua Henrique Martins, 427 – Centro – 2126-9517/ 9518, www.sesc-am.com.br, e-mail:biblioteca@sesc-am.com.br

Ficha de inscrição no final do arquivo!

*

Fonte: Organizador

XXVIII Concurso de Poesias de Mogi Guaçu

01. Denominação e Finalidade
A Biblioteca Municipal João XXIII de Mogi Guaçu promovendo este Concurso, faz deste evento o intercâmbio cultural das letras em todo território nacional, descobrindo poetas e poesias.

02. Participação
Poderão participar do XXVIII Concurso de Poesias de Mogi Guaçu poetas de todo o Brasil, nas seguintes categorias:
– Adulto local e outras cidades (acima de 18 anos)
– Juvenil local e outras cidades (13 a 17 anos)
– Infantil local e outras cidades (até 12 anos)

03. Inscrições
Cada candidato poderá inscrever-se com até 02(duas) obras inéditas datilografadas ou digitadas em três vias cada.

Cada poema deverá ser identificado apenas com o pseudônimo do autor e o título da obra e acondicionado em um envelope grande.

Dentro do mesmo envelope enviar uma folha datilografada ou digitada contendo a ficha de inscrição do candidato com seus dados pessoais: título da poesia, pseudônimo, nome de autor, cidade e estado, idade, endereço completo, nome da escola que estuda (se estudante).

Este único envelope com os textos e a ficha de inscrição deverá ser entregue na Biblioteca ou por via postal até 29/09/2012 (valendo a data do carimbo postal) no seguinte endereço:

Biblioteca Municipal João XXIII – Avenida dos Trabalhadores, 2.651 – Mogi Guaçu – SP – Cep.: 13.840-195 Tel.(019)3861-4225 – Centro Cultural.

A inscrição implicará na total aceitação do presente regulamento.

Siga @benfazeja
mantenha-se atualizado!

04. Seleção
A comissão julgadora será definida posteriormente e deverá selecionar 06 poemas de cada categoria.
Os trabalhos que não forem selecionados não serão devolvidos.

05. Premiação: Troféus e Medalhas
Dia: 30/11/2012 às 17h00..
Local: Biblioteca João XXIII – Centro Cultural
Endereço: : Avenida dos Trabalhadores, 2.651 – Mogi Guaçu /SP – CEP: 13.840.195
Tel: .(019) 3861-4225
E-mail: sc-biblioteca@mogiguacu.sp.gov.br
*

Fonte: Prefeitura de Mogi Guaçu

Prêmio AcheiUSA de Literatura

PRÊMIO ACHEIUSA DE LITERATURA 2012
CONTOS – TEMA LIVRE
REGULAMENTO:

1. Este concurso é promovido pelo AcheiUSA Newspaper, com o patrocínio do Consulado-Geral do Brasil em Miami, e possui caráter exclusivamente cultural. Não se trata de sorteio e não é necessária a aquisição de qualquer produto, bem, ou serviço para inscrição dos participantes.

2. O Prêmio AcheiUSA de Literatura tem a finalidade de estimular o lado literário dos brasileiros residentes nos Estados Unidos e incentivar nossa cultura nos EUA, premiando trabalhos inéditos que versem sobre as experiências do imigrante brasileiro no exterior.

3. Este concurso é destinado exclusivamente a autores brasileiros, que residam nos Estados Unidos (sob qualquer status migratório) e que apresentem textos totalmente inéditos, ainda não publicados.

4. É vedada a participação no concurso de funcionários do Consulado-Geral do Brasil, do AcheiUSA Newspaper ou de seu website www.acheiusa.com, bem como de colaboradores regulares do jornal.

5. Para os fins previstos neste regulamento, serão considerados trabalhos inéditos aqueles que não tenham sido objeto de publicação até o encerramento deste concurso.

Siga @benfazeja
mantenha-se atualizado!

6. As inscrições das pessoas impedidas de participar deste concurso, quando identificadas, serão imediatamente invalidadas e desclassificadas.

7. Para concorrer, os participantes deverão enviar por correio, ou entregar na sede do AcheiUSA Newspaper, (seis) vias impressas de um conto de tema livre, cuja fonte de inspiração seja alguma experiência do autor como imigrante brasileiro, observado o limite máximo de 5.600 (cinco mil e seiscentos) caracteres (incluindo espaços). O endereço para inscrição é 816 SE 9th Street Suite E, Deerfield Beach, FL 33441 USA.

8. Os contos devem ser assinados com pseudônimos. Dentro do envelope e juntamente com 6 (seis) vias do conto, deverá ser inserido um envelope menor, lacrado, com apenas o pseudônimo subscrito do lado de fora do mesmo, e contendo em seu interior o nome verdadeiro do autor e os demais dados que permitam identificar e localizar o participante inscrito, como endereço, telefone e e-mail. Não serão aceitas, em hipótese alguma, inscrições via e-mail ou outro processo eletrônico.

9. Somente serão aceitas inscrições que preencham todas as condições previstas, realizadas dentro do período estabelecido e por meio dos procedimentos previstos neste regulamento. Os dados fornecidos pelo participante, no momento de sua inscrição, deverão ser corretos, claros e precisos. É de total responsabilidade do participante a veracidade dos dados fornecidos ao AcheiUSA.

10. Cada autor poderá participar do concurso com apenas um conto.

11. O prazo de envio dos contos encerra-se em 29 de setembro de 2012 (data de postagem no correio), às 18 horas. Não serão aceitos os contos cuja data de postagem no correio ou de entrega na sede do AcheiUSA ultrapasse esse prazo.

12. Todos os contos serão analisados por uma Comissão Julgadora, composta por representantes do Consulado-Geral do Brasil em Miami e pela equipe de jornalistas do AcheiUSA, bem como por outros jornalistas, professores e escritores convidados, cujas decisões serão soberanas e irrecorríveis. A avaliação dos contos será realizada com base nos critérios de adequação ao regulamento e tema propostos, aí incluída a limitação de caracteres especificada no item 7 acima. A Comissão selecionará dez contos: um Vencedor, um Segundo Colocado, um Terceiro Colocado e sete Menções Honrosas.

13. A divulgação dos nomes do Vencedor, do Segundo e Terceiro Colocados e das Menções Honrosas será feita, na edição do AcheiUSA no dia 26 de Outubro de 2012 .

14. O autor do melhor conto receberá um prêmio no valor de U$ 1,200.00 (mil e duzentos dólares), terá seu conto publicado pelo AcheiUSA e no sítio eletrônico www.acheiusa.com, juntamente com uma pequena biografia. O autor do segundo melhor conto receberá U$ 600.00 (seiscentos dólares) e do terceiro melhor texto, US$ 200.00 (duzentos dólares), e seus textos também serão publicados nos veículos acima. Os ganhadores da Menção Honrosa receberão diploma e igualmente terão seus trabalhos publicados no AcheiUSA e no sítio eletrônico do jornal.

15. O AcheiUSA Newspaper promoverá uma cerimônia de premiação, em local e data a serem oportunamente definidos e informados aos vencedores após a divulgação dos contos selecionados.

16. Os prêmios serão entregues na cerimônia mencionada acima, diretamente ao vencedor ou, na sua ausência, a pessoa devidamente autorizada pelo premiado.

17. No caso de fraude comprovada, o vencedor será excluído automaticamente do concurso, sendo que o prêmio será transferido para o próximo colocado que cumpra todas as exigências descritas acima.

18. Os participantes concordam em autorizar, por tempo indeterminado, o uso, pelo AcheiUSA Newspaper, de suas imagens, nomes e eventuais gravações de áudio e/ou vídeo em filmes, vídeos, fotos, anúncios em jornais e revistas para divulgação do Prêmio Literário AcheiUSA, além de sua publicação no jornal e na internet, sem nenhum ônus para o AcheiUSA.

19. Eventuais dúvidas relacionadas com este concurso e seu regulamento poderão ser esclarecidas por meio do endereço eletrônico reporter@acheiusa.com. As dúvidas oriundas deste regulamento serão elucidadas e julgadas pela Comissão Julgadora, cuja decisão será irrecorrível.

20. A participação neste concurso implica a aceitação total e irrestrita de todos os itens deste regulamento.

21. Para todos os efeitos legais, os participantes do presente Concurso declaram ser os legítimos autores dos contos inscritos e garantem o ineditismo dos mesmos, responsabilizando-se por seus textos e isentando o AcheiUSA de qualquer reclamação ou demanda que porventura venha a ser apresentada em juízo ou fora dele.

22. Todos os textos recebidos, inclusive os vencedores, não serão devolvidos aos seus respectivos autores-participantes após o término deste Concurso, os quais, desde já, autorizam o AcheiUSA a publicar gratuitamente os contos, permitindo sua reprodução parcial e/ou integral.

23. O AcheiUSA reserva-se o direito de alterar qualquer item deste Concurso, bem como interrompê-lo, se necessário for, mediante aviso prévio de 5 (cinco) dias, por meio de comunicação destinada a todos os participantes efetivamente inscritos, os quais, caso não concordem com a alteração dos termos, poderão cancelar sua inscrição no Concurso, a fim de se liberarem das obrigações ora assumidas.

24. A participação neste concurso cultural não gerará ao participante e/ou contemplado nenhum outro direito ou vantagem que não estejam expressamente previstos neste Regulamento.
*

Fonte: Organizador

BACK