Prêmios SESC de contos Monteiro Lobato

Acesse outros concursos

R E G U L A M E N T O
E d i ç ã o 2011

I – DA PROMOÇÃO E DA REALIZAÇÃO
O Prêmio SESC de Contos Infantis Monteiro Lobato é uma iniciativa cultural do Serviço Social do Comércio – Administração Regional
no Distrito Federal – SESC/AR/DF.

II – DOS OBJETIVOS
Art. 2º
Incentivar a produção literária, revelar novos talentos no cenário da literatura infantil brasileira e ampliar o espaço institucional do SESC/AR/DF na área cultural.

III – DA PARTICIPAÇÃO
Art. 3º
Poderão concorrer:
• Brasileiros maiores de 18 anos, residentes no território nacional;
•Estrangeiros que residam no Brasil, no mínimo, há 20 anos, e atualmente residentes no Distrito Federal e Entorno;
• E entre 16 e 17 anos, residentes no território nacional, com a autorização e assinatura dos pais ou responsáveis na ficha de inscrição e no termo de cessão de direitos autorais.

Art. 4º
Cada participante poderá inscrever até 2 (dois) contos inéditos e não publicados. São considerados inéditos os contos que nunca foram publicados, impressos, e/ou classificados em qualquer concurso de cunho literário.

Art. 5º
•É vedada a participação de funcionários do SESC;
•É vedada a participação de ex-jurado e familiares.

IV – DA NATUREZA E DO TEMA
Art. 6º
Entende-se por conto a narrativa curta de um fato fictício, com tema único, espaço e tempo limitados, e com número reduzido de personagens.

Art. 7º
O tema é de livre escolha do participante, mas obrigatoriamente direcionado ao público infantil com idade até 10 anos, em forma, linguagem e conteúdo.

Art. 8º
Os contos devem conter elementos que promovam o bem-estar e os valores morais.

V – DAS INSCRIÇÕES
Art. 9º
As inscrições são gratuitas e serão efetuadas de 14 de março a 29 de julho de 2011, das 9h às 18h, de segunda a sexta-feira:
a) Nas seguintes Unidades Operacionais do SESC/AR/DF:
– SESC Estação 504 Sul, Av. W3 Sul, Quadra 504/505, Bloco “A”;
– Setor Comercial Sul, Quadra 2, Edifício Presidente Dutra;
– 913 Sul, W4, Quadra 713/913, Conjunto “F”;
– Taguatinga Sul, Setor “F”Sul, Área Especial 3;
– Taguatinga Norte, CNB 12, Área Especial 2/3;
– Gama, Setor leste Industrial, lotes 620, 640, 660, 680;
– Guará I, QE 4, Área Especial;
– Centro de Atividades SESC Ceilândia, QNN 27, lote B, Ceilândia Norte.
b) Postados, com a remessa da documentação para o endereço abaixo:
Serviço Social do Comércio
Administração Regional no Distrito Federal,
SESC Estação 504 Sul – Biblioteca
Av. W3 Sul, Quadra 504/505, Bloco“A” – Brasília,
DF, CEP 70338-570

Art. 10
A ficha de inscrição e este regulamento poderão ser obtidos na internet, no site www.sescdf.com.br.

Art. 11
Informações complementares poderão ser obtidas pelos telefones 0800-617617 e (61)3217-9124.

Art. 12
A inscrição será efetuada mediante a entrega ou a postagem de envelope lacrado, com etiqueta fixada em seu canto superior
direito, com as seguintes informações:
Prêmio SESC de Contos Infantis Monteiro Lobato – Edição 2011
Título(s) do(s) conto(s):__________________________________

Art. 13
O envelope deverá conter:
a) Ficha de inscrição devidamente preenchida;
b)O conto impresso em 10 (dez) vias, em papel A4, sem ilustrações, numa só face, com, no máximo, 8 (oito) páginas digitadas enumeradas no Microsoft Word, fonte Times New Roman, tamanho 12, espaçamento duplo e alinhamento justificado. O título do conto deverá constar da parte superior da página inicial, digitado em negrito, em fonte Times New Roman, tamanho 14, alinhamento centralizado;
c)01 (um) CD contendo o texto do conto inscrito, no formato doc;
d)Cópia da Carteira de Identidade e CPF.
e) 01 (um) CD com a Foto do autor digitalizada em alta resolução, acompanhada de breve biografia do mesmo, com, no máximo 10 linhas, no formato doc.
f)Termo de Cessão de Direitos Autorais (conforme modelo);

Parágrafo único. É proibida qualquer forma de identificação nas margens, no rodapé e no texto do conto, como pseudônimo, nome ou
sobrenome do autor, suas iniciais, assinatura ou rubrica.

VI – DA SELEÇÃO E DA CLASSIFICAÇÃO
Art. 14
Os contos serão analisados por Comissão especialmente designada pela Direção do SESC, composta por membros de notório conhecimento no campo literário, que procederá à seleção de 15 (quinze) contos e os classificará em ordem decrescente de pontos.

Art. 15
A decisão da Comissão é soberana e irrecorrível.

VII – DOS RESULTADOS
Art. 16
Os resultados dos processos de seleção e classificação serão divulgados nas Unidades do SESC/AR/DF e no site www.sescdf.com.br.

VIII – DA PREMIAÇÃO
Art. 17
Os 15 (quinze) contos selecionados serão reunidos em Coletânea a ser publicada pelo SESC/AR/DF. A solenidade de premiação e lançamento da Coletânea dar-se-á em local, data e horário a serem definidos, oportunamente, pelo SESC/AR/DF.

Art. 18
A critério da Direção do SESC/AR/DF, outros contos, além dos selecionados, poderão fazer parte da Coletânea.

Art. 19
Os autores dos contos classificados nos 3 (três) primeiros lugares receberão prêmio pecuniário, cujos valores, abaixo discriminados, são brutos, e deles serão deduzidos impostos e contribuições, com
base na legislação em vigor:
1º classificado – R$ 2.000,00
2º classificado – R$ 1.500,00
3º classificado – R$ 1.000,00
Parágrafo único. Os autores das obras selecionadas receberão certificado de participação e exemplares da Coletânea.

IX – DAS DISPOSIÇÕES GERAIS
Art. 20
Os participantes, ao se inscreverem, manifestam plena concordância com o presente regulamento, cujo descumprimento ensejará sua desclassificação.

Art. 21
Os contos selecionados irão integrar uma Coletânea produzida pelo SESC/AR/DF.

Art. 22
O SESC/AR/DF reserva-se o direito de:
a) Utilizar os trabalhos selecionados, em material institucional, por prazo indeterminado;
b)Proceder à revisão gramatical dos contos selecionados, com a finalidade de publicação da Coletânea;
c) Não devolver aos participantes o material da inscrição;
d Não efetuar, sob nenhuma forma, pagamento de direitos autorais;
e) Não se responsabilizar por cópias, plágios ou fraudes;

f)A diagramação dos textos seguirá os critérios estipulados pelo SESC/AR/DF.
g)Desclassificar o participante que não entregar a documentação completa solicitada no artigo 13 deste Regulamento.

Parágrafo único. Quaisquer manifestações contrárias às clausulas deste regulamento deverão ser encaminhadas ao SESC/AR/DF, por meio de documento original assinado, em até 48 horas da publicação do resultado.

Art. 23
O SESC/AR/DF assegura aos participantes de outros estados, no caso de terem sido classificados em 1º, 2º ou 3º lugares, passagem aérea e hospedagem em Brasília, em sua Unidade de Turismo Receptivo, sem direito a acompanhante, para participarem da solenidade de entrega da premiação e do lançamento da Coletânea, sendo, para tal,
indispensável a presença do candidato.

Art. 24
Os casos omissos neste regulamento serão resolvidos pela Direção do SESC/AR/DF.

Fonte: SESC/AR/DF.

Prêmios SESC de contos Machado de Assis

Acesse outros concursos

R E G U L A M E N T O
E d i ç ã o 2011

I – DA PROMOÇÃO E DA REALIZAÇÃO
Art. 1º
O Prêmio SESC de Contos Machado de Assis é uma iniciativa cultural do Serviço Social do Comércio – Administração Regional no Distrito Federal – SESC/AR/DF.

II – DOS OBJETIVOS
Art. 2º
Incentivar a produção literária, revelar novos talentos no cenário da literatura brasileira e ampliar o espaço institucional do SESC/AR/DF na área cultural.

III – DA PARTICIPAÇÃO
Art. 3º
Poderão concorrer:
• Brasileiros maiores de 18 anos, residentes no território nacional;
• Estrangeiros que residam no Brasil, no mínimo, há 20 anos, e atualmente residentes no Distrito Federal;
• E entre 16 e 17 anos, residentes no território nacional, com a autorização e assinatura dos pais ou responsáveis na ficha de inscrição e no termo de cessão de direitos autorais.

Art. 4º
Cada participante poderá inscrever até 2 (dois) contos inéditos e não publicados. São considerados inéditos os contos que nunca foram publicados, impressos, e/ou classificados em qualquer concurso de cunho literário.

Art. 5º
• É vedada a participação de funcionários do SESC;
• É vedada a participação de ex-jurado e familiares.

IV – DA NATUREZA E DO TEMA
Art. 6º
Entende-se por conto a narrativa curta de um fato fictício, com tema único, espaço e tempo limitados, e com número reduzido de personagens.

Art. 7º
O tema é de livre escolha do participante.

Art. 8º
Os contos devem conter elementos que promovam o bem-estar e os valores morais.

V – DAS INSCRIÇÕES
Art. 9º
As inscrições são gratuitas e serão efetuadas de 14 de março a 29 de julho de 2011, das 9h às 18h, de segunda a sexta-feira:
a) Nas seguintes Unidades Operacionais do SESC/AR/DF:
– SESC Estação 504 Sul, Av. W3 Sul, Quadra 504/505, Bloco “A”;
– Setor Comercial Sul, Quadra 2, Edifício Presidente Dutra;
– 913 Sul, W4, Quadra 713/913, Conjunto “F”;
– Taguatinga Sul, Setor “F” Sul, Área Especial 3;
– Taguatinga Norte, CNB 12, Área Especial 2/3;
– Gama, Setor leste Industrial, lotes 620, 640, 660, 680;
– Guará, QE 4, Área Especial;
– Centro de Atividades SESC Ceilândia, QNN 27, lote B, Ceilândia Norte.

b) Postados, com a remessa da documentação para o endereço abaixo:
Serviço Social do Comércio
Administração Regional no Distrito Federal,
SESC Estação 504 Sul – Biblioteca
Av. W3 Sul, Quadra 504/505, Bloco “A” – Brasília,
DF, CEP 70338-570

Art. 10
A ficha de inscrição e este regulamento poderão ser obtidos na internet, no site  www.sescdf.com.br

Art. 11
Informações complementares poderão ser obtidas pelos telefones 0800-617617 e (61) 3217-9124.

Art. 12
A inscrição será efetuada mediante a entrega ou a postagem de envelope lacrado, com etiqueta fixada no canto superior direito, com as seguintes informações:
Prêmio SESC de Contos Machado de Assis – Edição 2011 Título(s) do(s) conto(s): __________________________________

Art. 13
O envelope deverá conter:
a) Ficha de inscrição devidamente preenchida;
b) O conto impresso em 10 (dez) vias, em papel A4, sem ilustrações, numa só face, com, no máximo, 10 (dez) páginas digitadas e numeradas no Microsoft Word, fonte Times New Roman, tamanho 12, espaçamento duplo e alinhamento justificado. O título do conto deverá constar da parte superior da página inicial, digitado em negrito, em fonte Times New Roman, tamanho 14, alinhamento centralizado;
c) 01 (um) CD contendo o texto do conto inscrito;
d) Cópia da Carteira de Identidade e CPF.
e) 01 (um) CD contendo a foto do autor digitalizada em alta resolução, acompanhada de breve biografia do mesmo, com, no máximo 10 linhas, no formato doc.
f ) Termo de Cessão de Direitos Autorais (conforme modelo); Parágrafo único. É proibida qualquer forma de identificação nas margens, no rodapé e no texto do conto, como pseudônimo,nome ou sobrenome do autor, suas iniciais, assinatura ou rubrica.

VI – DA SELEÇÃO E DA CLASSIFICAÇÃO
Art. 14
Os contos serão analisados por Comissão especialmente designada pela Direção do SESC, composta por membros de notório conhecimento no campo literário, que procederá à seleção de 15 (quinze) contos e os
classificará em ordem decrescente de pontos.

Art. 15
A decisão da Comissão é soberana e irrecorrível.

VII – DOS RESULTADOS
Art. 16
Os resultados dos processos de seleção e classificação serão divulgados nas Unidades do SESC/AR/DF e no site  www.sescdf.com.br

VIII – DA PREMIAÇÃO
Art. 17
Os 15 (quinze) contos selecionados serão reunidos em Coletânea a ser publicada pelo SESC/AR/DF. A solenidade de premiação e lançamento da Coletânea dar-se-á em local, data e horário a serem definidos oportunamente, pelo SESC/AR/DF.

Art. 18
A critério da Direção do SESC/AR/DF, outros contos, além dos selecionados, poderão fazer parte da Coletânea.

Art. 19
Os autores dos contos classificados nos 3 (três) primeiros lugares receberão prêmio pecuniário, cujos valores, abaixo discriminados, são brutos, e deles serão deduzidos impostos e contribuições, com base na legislação em vigor:

1º classificado – R$ 2.000,00
2º classificado – R$ 1.500,00
3º classificado – R$ 1.000,00

Parágrafo único. Os autores das obras selecionadas receberão certificados de participação e exemplares da Coletânea.

IX – DAS DISPOSIÇÕES GERAIS
Art. 20
Os participantes, ao se inscreverem, manifestam plena concordância com o presente regulamento, cujo descumprimento ensejará sua desclassificação.

Art. 21
Os contos selecionados irão integrar uma Coletânea produzida pelo SESC/AR/DF.

Art. 22
O SESC/AR/DF reserva-se o direito de:
a) Utilizar os trabalhos selecionados, em material institucional, por prazo indeterminado;
b) Proceder à revisão gramatical dos contos selecionados, com a finalidade de publicação da Coletânea;
c) Não devolver aos participantes o material da inscrição;
d) Não efetuar, sob nenhuma forma, pagamento de direitos autorais;
e) Não se responsabilizar por cópias, plágios ou fraudes;
f ) A diagramação dos textos seguirá os critérios estipulados pelo SESC/AR/DF.
Parágrafo único. Quaisquer manifestações contrárias às clausulas deste regulamento deverão ser encaminhadas ao SESC/AR/DF, por meio de documento original assinado, em até 48 horas da publicação do resultado.
g) Desclassificar o participante que não entregar a documentação completa solicitada no artigo 13 deste Regulamento.

Art. 23
O SESC/AR/DF assegura aos participantes de outros estados, no caso de terem sido classificados em 1º, 2º ou 3º lugares, passagem aérea e hospedagem em Brasília, em sua Unidade de Turismo Receptivo, sem direito a acompanhante, para participarem da solenidade de entrega da premiação e do lançamento da Coletânea, sendo, para tal, indispensável a presença do candidato.

Art. 24
Os casos omissos neste regulamento serão resolvidos pela Direção do SESC/AR/DF.

Fonte: Regulamento

Prêmio Ignácio de Loyola Brandão

Acesse outros concursos

Regulamento

A Prefeitura de Araraquara, por meio da Secretaria Municipal da Cultura e Fundart, realiza o XII Concurso Nacional de Contos de Araraquara “Prêmio Ignácio de Loyola Brandão” que tem por objetivo o estímulo e o incentivo de novos escritores da literatura brasileira e é aberto à participação de brasileiros residentes em território nacional ou no exterior.

Cada autor poderá concorrer com, no máximo, três contos, digitados em uma só face do papel tamanho A4, espaço 1,5 entre as linhas, fonte Arial – tamanho 10 – e no máximo 15 páginas.

Cada conto deverá ser enviado em três vias, devendo constar em cada uma delas apenas o título da obra e o pseudônimo do autor.

A identificação do autor deverá constar em envelope fechado com as seguintes informações: nome completo do autor, idade, endereço, telefone, e-mail, título do conto, pseudônimo adotado, e um breve currículo. O envelope deve ser lacrado e identificado exatamente apenas com o pseudônimo do autor.

Os trabalhos devem ser em língua portuguesa e totalmente inéditos. A sua divulgação por qualquer meio, no todo ou em parte, antes dos resultados do concurso, implica na eliminação do concorrente.

Os contos, suas cópias e o envelope de identificação devem ser colocados em um único envelope (grande) e remetido pelo Correio até o dia 30 de julho deste ano. O endereço é: Biblioteca Pública Municipal Mário de Andrade / XII Concurso Nacional de Contos “Prêmio Ignácio de Loyola Brandão” – Rua Carlos Gomes, 1729 – Centro – CEP: 14801-340 – Araraquara/SP.

Serão selecionados dez contos, sendo a premiação distribuída da seguinte forma: R$ 1.000,00 (1º colocado), R$ 600,00 (2º colocado), e R$ 400,00 (3º colocado). Do 4º ao 10º colocados serão oferecidos certificados de menções honrosas.

Os dez primeiros contos selecionados serão publicados em livro, cabendo a cada autor vencedor dez exemplares.

Os trabalhos serão julgados por uma comissão constituída por três pessoas de reconhecida competência. Os autores e contos selecionados serão divulgados no site da Prefeitura de Araraquara (www.araraquara.sp.gov.br).

O Prêmio Ignácio de Loyola Brandão foi instituído em homenagem ao escritor araraquarense, autor de grandes sucessos literários como: “Zero”, “Veia bailarina”, “Presente é o futuro (manifesto verde)”, “o Homem que odiava a segunda-feira”, “Ruth Cardoso: fragmentos de uma vida”, “Menino que não teve medo do medo (infanto-juvenil)” – entre tantos outros.

O Concurso Nacional de Contos de Araraquara vem atingindo seu objetivo de incentivo à literatura brasileira. O primeiro concurso lançado em 1977 teve 229 trabalhos inscritos e esse número vem crescendo ao longo do tempo, despertando grande interesse nos escritores.

No ano de 1998 a Biblioteca Municipal recebeu o Prêmio da APCA – Associação Paulista dos Críticos de Arte – na área de literatura pela publicação do VIII Concurso Nacional de Contos.

Fonte: Prefeitura Municipal de Araraquara

V CLIPP- Concurso Literário de Presidente Prudente

Acesse outros concursos

Objetivo:

O Concurso Literário de Presidente Prudente (CLIPP), promovido pela Prefeitura Municipal, com organização e coordenação da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, através da Biblioteca Municipal Dr. Abelardo de Cerqueira César, tem como objetivo principal o incentivo à criação literária através da revelação e valorização de novos talentos.

1- Inscrições:
As inscrições estarão abertas no período de 01/04 a 30/06/2011** (prorrogado até 30/07) a escritores de ambos os sexos, maiores de 14 anos;

O candidato deverá preencher a ficha de inscrição, retirada no site www.culturapp.com.br ou comparecer na Biblioteca Municipal Dr. Abelardo de Cerqueira César, Centro Cultural Matarazzo, na Rua Quintino Bocaiúva, 749, Vila Marcondes, CEP 19030-000 – Presidente Prudente;

Cada participante poderá se inscrever gratuitamente com até 03 obras inéditas de tema livre, em cada uma das modalidades: crônica e poesia;

Não serão aceitos trabalhos que possuam apologia ao uso de drogas, conteúdo racista, preconceituoso, propaganda política ou intolerância religiosa;

Os trabalhos devem ser escritos em Língua Portuguesa, assinados apenas com o pseudônimo do autor e entregues em três cópias digitadas, além de uma cópia em mídia (Cd ou pen drive), junto com a ficha de inscrição, no local indicado acima. As cópias enviadas não serão devolvidas;

O participante menor de 18 anos deverá apresentar em anexo, uma autorização assinada pelo responsável legal no ato da inscrição;

O concorrente que não possuir telefone ou e-mail para contato deverá fazer constar na ficha de inscrição: nome, endereço e telefone de pessoa responsável por contatá-lo (a) em caso de possíveis eventualidades;

2- Julgamento:
A Comissão julgadora será formada por profissionais de reconhecida capacidade intelectual e suas decisões serão norteadas, de maneira irrevogável, não apenas pelo conteúdo poético e literário, mas também pela composição correta da linguagem e suas formas.

3- Premiação
Os trabalhos selecionados serão publicados, sem custo para seus autores, em uma antologia no formato 16x23cm, com aproximadamente 200 páginas. A publicação será em ordem alfabética, por nome de autor;
Cada participante selecionado receberá 10 exemplares da obra antológica;

A entrega dos prêmios e o lançamento da obra acontecerão no mês de novembro, durante o Salão do Livro de Presidente Prudente;

Cada autor poderá receber apenas uma premiação;

4- Disposições finais
Ao realizar a inscrição, o candidato manifesta pleno acordo com o regulamento do Concurso e autoriza a divulgação e publicação de seu nome e trabalho(s) inscrito(s).

Mais informações: Fones 3223-7554 / 3226-3399.

Regulamento

V CLIPP- CONCURSO LITERÁRIO DE PRESIDENTE PRUDENTE

FICHA DE INSCRIÇÃO – Nº ___________________

Nome:____________________________________________________________________________

Documento de Identidade: ________________________ Profissão: ____________________________

Grau de Instrução: ( ) Ensino Fundamental ( ) Ensino Médio ( ) Superior

Data de Nascimento: _________ / ______________________ / ____________

Endereço: __________________________________________________________________________

Email:______________________________________________________________________________

Bairro: _________________________________________________ Cep: _______________________

Cidade: __________________________________________ Fone: _____________________________

Pseudônimo: _____________________________________________________________________

Gênero: ( ) Poesia ( ) Crônica

Quantidade de Textos: _________________________________

Título(s) do(s) Texto(s):

Local: __________________________________ Data: __________ / _________ / 2011

* Declaro estar ciente e de acordo com o regulamento do V Concurso Literário de Presidente Prudente.

_______________________ ___________________________________
VISTO – COMISSÃO ASSINATURA DO PARTICIPANTE

………………………………………………………………………………………………………………………………………(picotar)

Fonte: Secretaria Municipal de Cultura e Turismo – Presidente Prudente

1º Concurso Literário Assombros Juvenis

Acesse outros concursos

IMPORTANTE
2. Estão habilitadas a participar do concurso pessoas residentes no Rio Grande do Sul, com idade acima de 18 anos.

Regulamento

1. A Câmara Rio-Grandense do Livro – CRL, a Reinações:Confraria da Leitura de textos de Literatura Infantojuvenil e a Companhia Rio-Riograndense de Artes Gráficas – Corag promovem o 1º Concurso Literário Assombros Juvenis, que visa despertar talentos literários, promover a Literatura Infantojuvenil e homenagear a literatura de terror destinada a adolescentes, que tanto apelo tem no coração dos novos leitores.

2. Estão habilitadas a participar do concurso pessoas residentes no Rio Grande do Sul, com idade acima de 18 anos.

Obs.: É vedada a participação de membros da Comissão que organiza o concurso, assim como de funcionários da CRL, bem como de seus familiares até segundo grau.

3. A participação no concurso, através do envio de textos, implica a concordância com todas as cláusulas deste regulamento.

4. Os textos deverão ser rigorosamente inéditos em veículos impressos.

5. A temática é o terror, sendo que o conto deve ter como público-alvo os adolescentes. Assim, o protagonista deverá ser um jovem ou uma jovem. Os seres do Além que fizerem parte dos contos podem ser seres do imaginário popular, retomados, ou seres criados pelo autor.

6. Cada participante poderá inscrever-se através da entrega de um texto do gênero conto, devendo este ter, no máximo, cinco páginas, digitadas em espaço 1,5, utilizando fonte Arial 12, em folha A4, com margens de 2 cm. Textos que não se encaixarem na temática ou no gênero deste concurso serão invalidados.

7. É obrigatório o uso de pseudônimo, que deverá ser composto de no mínimo dois nomes e colocado no alto da primeira página de cada texto.

8. Acompanhando os textos — a serem entregues impressos em papel A4 ou ofício, em três cópias, e em CD-R, em um envelope devidamente identificado com o pseudônimo — deverá constar, em um envelope menor, lacrado, identificado com o pseudônimo, uma folha com os seguintes dados:

a) Nome do concurso

b) Pseudônimo composto (mais de um nome)

c) Nome completo

d) Endereço completo

e) Telefones

f) E-mail

g) Data de nascimento

10. O prazo para as inscrições termina, impreterivelmente, em 31 de julho de 2011, até às 18h. Os envelopes com os textos concorrentes devem ser entregues na Câmara Rio-Grandense do Livro (Praça Osvaldo Cruz, 15 Conj. 1708 / 1709, CEP 90030-160, em Porto Alegre/RS) ou enviados pelo Correio, aos cuidados de Rafael Cardozo. Neste último caso, a data de inscrição será a da postagem, que, se for posterior a do prazo máximo para a inscrição, não será aceita.

11. O julgamento dos textos será realizado por uma comissão de três profissionais, de diferentes áreas da literatura, indicada pelos organizadores do concurso.

12. Os textos selecionados em número não superior a 10 serão publicados em antologia editada pelos organizadores, sem fins lucrativos, razão pela qual os organizadores exoneram-se do pagamento de direitos autorais ou de qualquer outra forma de remuneração aos autores, além da entrega gratuita de dez exemplares da antologia. A antologia terá lançamento e sessão de autógrafos na 57ª Feira do Livro de Porto Alegre.

13. Da premiação:

13.1. Serão outorgados certificados a todos os selecionados, e estes terão seus textos publicados na antologia do 1º Concurso Literário Assombros Juvenis, não havendo qualquer ônus aos escritores selecionados.

15. Não poderá figurar no livro mais do que um texto de cada autor.

16. O resultado do concurso será divulgado no site da CRL (www.camaradolivro.com.br) até o mês de outubro.

17. Não haverá, em nenhuma hipótese, devolução dos textos concorrentes.

18. As decisões da comissão julgadora são irrecorríveis.

19. Os casos omissos neste regulamento serão resolvidos em conjunto pelo coordenador do concurso, jurados e representantes das entidades organizadoras.

20. Mais informações podem ser obtidas na CRL pelo fone (51) 3286.4517, com Rafael Cardozo, ou através do blog da REINAÇÕES (www.confrariareinacoes.blogspot.com)

Fonte: Confraria Reinacoes

BACK